Se você parar para refletir um pouco sobre marketing digital, vai ver que não é mais uma questão de ter ou não uma estratégia que traga maior visibilidade online. A verdade é que, sem trabalhar a imagem da sua empresa em site, blog e redes sociais, você corre até o risco de não ser lembrado. E um fato claro sobre isso: quem não é lembrado tem o faturamento comprometido.

 Baixe nosso e-book aprenda mais sobre as principais métricas de Marketing  Digital

As empresas já caminhavam para essa necessidade de explorar mais o digital, mas a pandemia da COVID-19 acelerou todo o processo e acabou trazendo prejuízos para quem não pensava em ferramentas de marketing digital nem nada do tipo.

Um estudo da Intelligenzia mostra alguns dados interessantes. Cerca de 40% das empresas B2B não estavam preparadas para a realidade da pandemia e 86,8% precisaram reestruturar as suas ações, adequando-as ao momento atual. 

Com isso em mente, trouxemos um guia sobre as ferramentas de marketing digital que vão ajudar na sua estratégia como um todo, facilitando a automação de marketing e trazendo dados imprescindíveis à inteligência do negócio. Vamos começar?

Por que você precisa de ferramentas de marketing digital?

Implementar uma estratégia de marketing pede que você tenha, de forma esclarecida, quais são os seus objetivos, além de um conhecimento detalhado do negócio, incluindo pontos altos e baixos, conhecimento do público etc.

Assim, para cada objetivo, algumas ferramentas se tornam imprescindíveis. Por exemplo, se você quer engajar melhor os leads ou ganhar novos contatos, precisa de uma ferramenta de e-mail marketing que traga diversas possibilidades, como templates de e-mail e integração com o sistema de CRM.

O interessante das ferramentas de marketing digital é que elas otimizam a execução de diversas tarefas e ainda:

  • facilitam a automação de processos, oferecendo agilidade e produtividade à equipe — que pode focar na estratégia e automatizar as tarefas repetitivas;
  • permitem reduzir os custos, uma vez que trazem diversas funções, contribuindo para que a própria equipe dê conta das ações;
  • podem ser integradas com outras ferramentas, tornando o fluxo de tarefas mais simples e otimizando toda a comunicação;
  • oferecem dados e inteligência à sua estratégia de marketing. Afinal, o seu CRM, ao ser integrado com uma ferramenta de vendas, permite que a qualificação de leads seja rapidamente identificada e repassada à equipe que vai dar sequência à venda.

Para começar ou aprimorar a sua estratégia, o melhor, como dissemos, é listar os objetivos do seu negócio, que podem ser:

  • ranqueamento eficiente nos motores de busca;
  • taxas de conversão mais altas;
  • fidelização de clientes;
  • trazer mais tráfego para seu blog, site ou e-commerce;
  • aperfeiçoar o engajamento nas redes sociais.

Ao entender quais são os seus objetivos, você poderá escolher de maneira mais acertada as principais ferramentas. Com isso em mente, exploramos melhor os tipos de ferramenta mais usados no marketing digital. Acompanhe!

1. Ferramentas para gestão de projetos

A ideia de usar uma ferramenta que permita uma gestão de projetos eficiente faz com que toda a equipe esteja a par do andamento das tarefas, favorece a comunicação, permite criar dashboards para projetos ou clientes e quebra o todo da entrega em tarefas menores.

Um extra desse tipo de ferramenta é a integração com o seu e-mail e o envio de notificações a todos, conforme as etapas de um trabalho vão sendo cumpridas. Afinal, o alinhamento da equipe faz toda a diferença!

2. Plataformas de análise competitiva e pesquisa

O marketing vive também de benchmarking, compreendendo como a estratégia da concorrência pode impactar os seus resultados. Em termos de pesquisa em buscadores, também é válido entender as principais palavras-chave utilizadas.

Muitas vezes, são as posições em uma SERP que definem a venda, por isso, é interessante também monitorar esses resultados com frequência, para que a sua marca não fique para trás.

3. Ferramentas de análise de performance

Não basta publicar a sua estratégia e esperar os resultados. Quando você os acompanha, em um constante monitoramento de performance, pode adaptá-la e, assim, melhorar os resultados. Também é possível ter mais insights para que você ganhe em inteligência no marketing digital.

Pensando na performance de blogs e sites, alguns sistemas de CMS já contam com um dashboard que traz esses números. Dessa forma, é possível fazer uma ótima gestão das informações, como é o caso do CMS Hub.

4. Ferramentas para relacionamento com cliente

O CRM é uma das principais ferramentas de relacionamento com o cliente e traz informações e insights muito ricos sobre os seus possíveis ou atuais clientes. Ao investir nessa solução é possível:

  • controlar automaticamente as interações;
  • ter um dashboard que dá mais visibilidade sobre o status de cada lead;
  • conversar com prospects;
  • reunir os contatos em um só lugar, eliminando a necessidade de uso de diversas planilhas.

Ferramentas de vendas que estejam integradas com o CRM também vão trazer mais possibilidades de conversão.

Os bônus do CRM

Contar com um sistema de CRM é fundamental para que você conheça melhor os atuais e os possíveis clientes do seu negócio, fazendo ações que garantam fidelização. Com o envio de e-mail contendo promoções específicas, cumprimentos em aniversários e conteúdos de acordo com os interesses das pessoas, a segmentação é mais exata e traz mais resultados.

5. Ferramentas para gestão de canais

Essas soluções são essenciais para controlar as publicações e monitorar os resultados, seja das redes sociais ou do blog. Elas também são importantes para ajudar você a criar formulários e agendar as suas postagens, fazendo com que o dia a dia fique mais produtivo.

6. Ferramentas de produção

São como as de marketing de conteúdo, que permitem criar landing pages e newsletters sem ajuda de desenvolvedores e ajudam a conquistar um tráfego mais direcionado.

Aqui, reunimos as principais ferramentas de marketing digital gratuitas referentes às funções citadas anteriormente. A seguir, trazemos as principais features de cada uma. Acompanhe!

1. HubSpot CRM

CRM da HubSpot é muito completo em funções como:

  • visibilidade total do pipeline de vendas;
  • chat e chatbot para conversar com prospects;
  • registro automático das atividades;
  • gerenciamento de anúncios;
  • painel de relatórios;
  • rastreamento de notificações e e-mails;
  • agendamento de reuniões;
  • caixa de entrada compartilhada;
  • geração de tíquetes;
  • chamadas;
  • integração com o Facebook Messenger.

E muito mais! O melhor de tudo é que você consegue aproveitar todas essas funções sem custo algum para o seu negócio.

2. Google Analytics

É essencial para quem tem e-commerce, site e blog, pois o Google Analytics sinaliza a trajetória do visitante em seu site. Você ganha informações preciosas, por exemplo, sobre de onde vem o tráfego, quais são as páginas mais visitadas, as taxas de rejeição e de abandono de carrinho, entre outras.

3. Planejador de palavras-chave

O Planejador de palavras-chave do Google é uma ferramenta essencial para a criação de conteúdos otimizados para SEO. Ao utilizá-la, você pode analisar o volume de busca dos termos que você pretende utilizar na sua estratégia e obter excelentes alternativas que podem ser exploradas nas suas postagens.

4. Canva

O Canva ajuda na criação de gráficos, logomarcas, infográficos e posts paras as diversas redes sociais. Basta usar a criatividade e ter paciência para criar designs incríveis para os seus projetos. Além disso, ela oferece modelos prontos, facilmente editáveis, que você pode adaptar de acordo com o perfil do seu negócio.

5. WordPress

O WordPress é o CMS (Content Management System) mais utilizado no mundo inteiro. Ele é utilizado para fazer o gerenciamento de diferentes tipos de páginas, como blogs, sites, e-commerces etc.

Ao utilizar essa ferramenta, você consegue criar e editar os seus conteúdos sem a necessidade de utilizar nenhuma linguagem de programação. É tudo bem simples e intuitivo. Por isso, costuma ser usada por empresas de qualquer tamanho e área de atuação.

6. Google Trends

O Google Trends é uma ferramenta que permite que você avalie o número de buscas por palavra-chave ao longo de determinado período. Ao pesquisar o termo do seu interesse, você tem como resultado um gráfico que exibe o volume de buscas ao longo do tempo.

Além disso, você pode filtrar os resultados de acordo com o país, a região, o período, o tipo de busca e a categoria do seu interesse. Dessa forma, é possível escolher a palavra-chave mais adequada à sua estratégia e, assim, alcançar melhores resultados.

7. Wix

O Wix permite que você crie o seu site baseado em Flash de maneira gratuita, rápida e intuitiva. Ao utilizar esse serviço, você não precisa contratar um especialista para criar a sua página, pois você pode criá-la facilmente e deixá-la com uma aparência profissional.

Além disso, você não precisa se preocupar com a otimização do seu site, pois a própria ferramenta já disponibiliza a criação de páginas totalmente otimizadas para os motores de busca, como o Google.

Agora, apresentaremos algumas das principais ferramentas de marketing digital pagas que podem ser utilizadas no seu negócio. Algumas delas disponibilizam um período de avaliação gratuita e outras têm uma versão free, mas com recursos limitados. Acompanhe!

1. Sales Hub

Custo: disponível nas versões Starter (US$ 45/mês), Professional (US$ 375/mês) e Enterprise (US$ 1.200/mês).

Sales Hub automatiza processos que fazem com que o time de vendas trabalhe melhor as propostas, como criação de e-mails, registro automático de dados, follow-up de relacionamentos etc.

Além disso, a ferramenta oferece outros recursos que podem ajudar o seu negócio a alcançar resultados cada vez melhores, como:

  • modelos de e-mail;
  • rastreamento de e-mails;
  • gerenciamento e rastreamento de documentos;
  • inteligência de conversas;
  • rastreamento e gravação de chamadas;
  • gerenciamento de contatos e perfil de clientes.

2. CMS Hub

Custo: disponível nas versões Starter (US$ 23/mês), Professional (US$ 300/mês) e Enterprise (US$ 1.200/mês).

Você conta com toda a facilidade para criar e gerenciar o seu site a partir do CMS Hub. Há templates prontos, dashboard com informações de tráfego, ajuda com palavras-chave, além de relatórios variados. Alguns recursos disponibilizados pela ferramenta são:

  • recomendações de SEO;
  • temas para sites;
  • editor de arrastar e soltar;
  • teste adaptativo;
  • relatórios de atribuição de contatos;
  • integração com o CRM.

Além disso, ao investir nessa ferramenta, você consegue migrar ou reformular o seu site sem nenhuma dor de cabeça.

3. Marketing Hub

Custo: disponível nas versões Starter (US$ 45/mês), Professional (US$ 800/mês) e Enterprise (US$ 3.200/mês).

Marketing Hub é uma ferramenta pensada para aumentar o tráfego e converter mais visitantes com a possibilidade de criar landing pages, fazer automação, análises e muito mais.

Alguns recursos oferecidos pela ferramenta são:

  • gerenciamento e acompanhamento de anúncios;
  • gestão de mídia social;
  • chat ao vivo;
  • hospedagem e gerenciamento de arquivos de vídeos.

E muito mais! Você ainda tem um suporte disponível 24 horas por dia, além de cursos e treinamentos online que podem ajudá-lo a aproveitar ainda mais essa ferramenta no seu negócio e aumentar as vendas.

4. Asana

Custo: disponível nas versões Basic (gratuita), Premium (R$ 70,00/mês) e Business (R$ 160,00/mês).

Asana tem um dashboard muito intuitivo e fácil de gerenciar, de acordo com o andamento dos projetos. Permite reunir todos da equipe e é extremamente visual, o que facilita a compreensão. Um dos pontos altos é o quadro Kanban, que ajuda a priorizar as entregas.

5. Basecamp

Custo: avaliação gratuita por 30 dias e, após esse período, US$ 99/mês.

Basecamp foi todo pensado para o trabalho remoto, com chat e compartilhamento de arquivos, planilhas e imagens. Também faz check-ins automáticos, agenda entregas e possibilita mais integração ao time.

6. Trello

Custo: disponível nas versões Gratuita, Standard (US$ 5/mês), Premium (US$ 10/mês) e Enterprise (US$ 17,50/mês).

Trello tem um quadro de Kanban muito maleável e simples de organizar, contribuindo para que todos saibam em que pé estão as tarefas. Outro ponto vantajoso: ele conta com alguns gatilhos baseados em regras que você mesmo cria.

7. Slack

Custo: disponível nas versões Gratuita, Pro (US$ 4/mês), Business++ (US$ 7,50/mês) e Enterprise Grid (valor variável de acordo com a personalização).

Slack traz uma organização de comunicação que implica em mais produtividade. É possível organizar as conversas e marcar as que têm prioridade de resposta. Também é possível ter canais para cada projeto.

8. MozBar

Custo: avaliação gratuita por 30 dias e, após esse período, US$ 179/mês mais taxas.

A extensão MozBar (Chrome e Firefox) permite que você analise sites diversos no que diz respeito à prática de SEO e entenda como o seu negócio está posicionado diante da concorrência.

9. SEMRush

Custo: avaliação gratuita por 7 dias e, após esse período, você pode optar pelos planos Pro (US$ 119.95/mês), Guru (US$ 229.95/mês) ou Business (US$ 449.95/mês).

SEMRush é uma das ferramentas de SEO que ajuda na sua visibilidade online, com insights sobre pesquisa orgânica, palavras-chave, auditoria de conteúdo, entre outros. Uma ferramenta bem completa pensando em seu marketing como um todo.

10. Buzzsumo

Custo: avaliação gratuita por 30 dias e, após esse período, US$ 99/mês.

Buzzsumo ajuda você a entender os conteúdos mais relevantes a serem trabalhados, seja em seu blog, site ou redes sociais. Também apresenta um panorama sobre influenciadores.

11. HootSuite

Custo: disponível nas versões Profissional (US$ 49/mês), Equipe (US$ 129/mês) e Grandes empresas (valor variável de acordo com a personalização).

HootSuite auxilia no planejamento, criação e agendamento de conteúdos de suas redes sociais, além de monitorar e responder o público, otimizando a interação. 

12. Postgrain

Custo: avaliação gratuita por 7 dias e, após esse período, R$ 20,83/mês por perfil.

Focado no Instagram, o Postgrain deixa que você gerencie todas as interações e publicações. A busca por palavra-chave também ajuda a encontrar as conversas de maneira rápida.

13. Hotjar

Custo: disponível nas versões Gratuita (com recursos limitados), Plus (US$ 31/mês), Business (US$ 79/mês) e Scale (valor variável de acordo com a personalização).

A Hotjar é uma ferramenta muito útil para a análise de dados que pode ajudar você a entender o comportamento dos visitantes da sua página. Ela é complementar ao Google Analytics, permitindo a realização de avaliações mais robustas.

Além disso, ao investir nessa solução, você pode assistir à gravação da tela de alguns usuários e tem acesso ao mapa de calor, que mostra onde está o maior número de cliques dos visitantes na sua página.

14. MailChimp

Custo: disponível nas versões Gratuita (com recursos limitados), Essentials (R$ 55/mês), Standard (R$ 85/mês) e Premium (R$1.670/mês).

O MailChimp é uma plataforma intuitiva que oferece alguns recursos gratuitos que podem ajudar bastante o seu negócio. Um deles é o disparo de até 12 mil e-mails marketing por mês para o total de 2 mil contatos distintos.

Porém, se você quer ter acesso a funcionalidades mais avançadas, pode optar pelas versões pagas, que oferecem recursos como: teste multivariado, segmentação comportamental, testes A/B, conteúdos dinâmicos etc.

15. LiveChat

Custo: avaliação gratuita por 14 dias e, após esse período, você pode optar pelos planos Iniciante (US$ 16/mês), Equipe (US$ 33/mês), Comercial (US$ 50/mês) e Enterprise (valor variável de acordo com a personalização).

O LiveChat é um recurso oferecido por vários sites que permite que o visitante tenha acesso a um atendimento online instantâneo. Ao utilizar essa solução no seu negócio, você pode interagir com as pessoas na sua página e direcioná-las para o caminho correto.

16. Google Ads

Custo: variável de acordo com o orçamento definido para a sua campanha.

O Google Ads é uma plataforma de anúncios. Com ela, você pode criar anúncios de pesquisa, no Gmail, na Play Store, no YouTube etc.

Sabe quando você faz uma pesquisa no Google e aparecem vários links em destaque? Ou quando você vê o banner de anúncio em alguma página em que você está navegando? Saiba que os anunciantes pagaram para que o Google exibisse esses anúncios nesses locais e, ao investir nessa ferramenta, você também pode expor os seus produtos e serviços dessa forma.

17. Yoast SEO

Custo: disponível nas versões Gratuita (com recursos limitados) e Premium (US$99/mês).

O Yoast é um plugin de SEO do WordPress utilizado com o objetivo de otimizar a sua página web para os mecanismos de busca.

Quando você utiliza essa ferramenta, os seus conteúdos passam por uma análise criteriosa, que deve indicar quais são os principais pontos que podem influenciá-lo positiva ou negativamente. A partir dos resultados dessa avaliação, você pode definir quais ações devem ser adotadas visando a melhor performance do seu conteúdo.

Porém, não se esqueça de ter bom senso ao executar qualquer alteração sugerida pela ferramenta. Afinal, ela realiza uma análise robótica do seu site e você deve avaliar se cada sugestão realmente faz sentido para melhorar o seu conteúdo.

O ideal é que, antes de escolher as ferramentas, você pesquise sobre integrações e funcionalidades de modo a entender quais serão mais acertadas à sua equipe e modelo de negócio. Ler reviews e entender quais opções a sua concorrência usa também ajuda na decisão.

Com as ferramentas de marketing digital certas, todas as tarefas ganham em produtividade e inteligência. Além disso, a equipe fica mais engajada e os resultados começam a surgir em pouco tempo.

Agora que você já conhece as principais ferramentas de marketing digital, entre em contato conosco e veja como podemos ajudar a alcançar resultados cada vez melhores na sua empresa. Até a próxima!

Entenda quais são as principais métricas de Marketing Digital

 Entenda quais são as principais métricas de Marketing Digital

Originalmente publicado 27/04/2022 06:30:00, atualizado Abril 27 2022

Temas:

Marketing Digital