Na última sexta-feira de novembro, acontece uma das datas comerciais mais importantes. Como os clientes estão ávidos por descontos e dispostos a gastar no período, as marcas têm a oportunidade de alavancar as vendas. No pós-Black Friday, é possível aproveitar todo esse entusiasmo para manter as conversões em alta.

As estratégias de marketing digital entram nesse contexto para manter o interesse do consumidor e sustentar o fluxo de vendas até o Natal. Após a sexta-feira de ofertas, vale pensar em formas de liberar o estoque parado para preparar o negócio para as próximas datas sazonais.

 

E-book Grátis

Oportunidades de Venda: veja as melhores formas de identificá-las

Aprenda a criar boas estratégias de vendas para a sua empresa e ser um sucesso

 

Neste artigo, vamos dar 8 dicas para não ter quedas bruscas no faturamento no pós-Black Friday e vender mais. Confira!

Aliás, durante o período, é comum que a marca atraia vários clientes novos. Após o evento, é importante criar ações de relacionamento para manter o interesse do consumidor e garantir a recorrência de compra nas campanhas de fim de ano e além.

Aprenda a identificar oportunidades de  vendas com esse e-book exclusivo

Quais são as consequências de ignorar o marketing pós-Black Friday?

Se você ignorar o marketing pós-Black Friday, um dos resultados indesejados imediatos é a possibilidade de estoques parados. Produtos que não foram vendidos durante a Black Friday permanecem nos armazéns, o que pode gerar um custo adicional para a empresa.

Outra consequência é a perda de oportunidades, já que interromper a campanha de Black Friday na sexta-feira reduz a visibilidade da empresa. Ou seja, os consumidores param de acompanhar as ações da empresa e perdem o interesse. Resultado: quedas bruscas nas vendas.

A falta de continuidade nas ações de marketing também impacta negativamente a imagem da marca. Os consumidores podem interpretar a ausência de atividades no pós-Black Friday como falta de comprometimento ou desinteresse na satisfação do cliente.

Não importa se você vendeu muito ou pouco durante a Black Friday. A estratégia após a sexta-feira de ofertas visa manter a expectativa alta, vender novamente para os consumidores que aproveitaram as promoções ou conquistar o cliente indeciso.

veja como fazer marketing na sazonalidade

A seguir, listamos 8 táticas fundamentais para continuar vendendo no pós-Black Friday!

1. Foque o cliente

Todas as ações de marketing sazonal precisam ser focadas no cliente. Afinal, entender suas necessidades e expectativas é crucial para manter o interesse e incentivar novas compras.

Sendo assim, analise dados de comportamento de compra, feedbacks e histórico de interações para identificar padrões e preferências. A partir dessas informações, personalize a comunicação e as ofertas para gerar engajamento e criar conexões com os consumidores no pós-Black Friday.

2. Mantenha o contato

Após vender na Black Friday, manter o contato com os consumidores, por meio de estratégias de pós-venda, é fundamental para gerar novas oportunidades e fidelizar. Na oportunidade, vale dar atenção especial para:

  • pesquisas de satisfação;
  • soluções de problemas;
  • trocas e devoluções;
  • coleta de reviews.

De toda forma, é importante estabelecer a comunicação com toda a base de clientes, inclusive aqueles que não realizaram compras, mas se inscreveram na landing page para receber ofertas em primeira mão. Quem não gostou muito das ofertas do período pode aproveitar o pós-Black Friday para fazer compras.

Utilize e-mails, mensagens personalizadas e notificações para informar sobre novas coleções, promoções especiais e eventos. A comunicação contínua reforça a presença da marca na mente dos consumidores.

3. Capriche na divulgação

Sem uma divulgação adequada, os consumidores não saberão que a sua marca ainda tem produtos e serviços com preços de Black Friday, não é mesmo?

A divulgação deve destacar produtos que foram populares durante o evento e apresentar novidades. Isso cria uma continuidade no interesse do consumidor e mostra que a empresa sempre traz algo novo e relevante para seu público-alvo.

As campanhas podem até criar um senso de urgência para reforçar a ideia de que as ofertas foram estendidas e o consumidor tem uma última chance de aproveitar as condições especiais.

4. Use as redes sociais a seu favor

As redes sociais — como Facebook, Instagram e TikTok — são ferramentas eficientes de marketing digital para compartilhar promoções, divulgar conteúdos relevantes e incentivar o engajamento. Elas podem ser usadas para:

  • oferecer atendimento;
  • interagir com os consumidores nos comentários;
  • promover produtos;
  • compartilhar conteúdo gerado pelo usuário;
  • aumentar reconhecimento de marca etc.

Por exemplo: que tal realizar enquetes no Instagram Stories para coletar feedbacks de forma instantânea? Pergunte sobre preferências de produtos, opiniões sobre novos lançamentos ou até mesmo sugestões de futuras promoções. Isso não apenas gera engajamento, mas também fornece insights valiosos sobre as preferências do público.

5. Contrate influenciadores digitais

Os influenciadores digitais têm um papel crucial na promoção de produtos devido à relação próxima que desenvolvem com seus seguidores. Suas recomendações e avaliações, muitas vezes, são percebidas como autênticas, o que pode impactar diretamente as decisões de compra.

Além disso, personalidades online continuam relevantes mesmo após eventos específicos, como a Black Friday. Ao capitalizar a popularidade contínua dessas celebridades, a marca pode manter um fluxo constante de interesse do público.

De toda forma, é fundamental escolher os parceiros de forma bem criteriosa. Afinal, é essencial que a audiência do influenciador tenha sinergia com o público-alvo da sua empresa, e que a sua personalidade compartilhe os mesmos valores que a sua marca.

Se você vende produtos veganos, por exemplo, não vale a pena associar a sua marca às celebridades da internet que incentivam a exploração de matérias-primas de origem animal, concorda?

6. Pense em estratégias para vender o estoque parado

Durante os preparativos para vender na Black Friday, os lojistas costumam reforçar o estoque. Caso as metas de vendas não tenham sido atingidas, aquelas mercadorias podem ficar encalhadas e gerar prejuízos ao negócio. É por isso que é fundamental fazer um bom controle de estoque e investir em campanhas específicas para vender estoque parado.

Após a intensidade de vendas do período, nossa recomendação é identificar itens populares e de baixa rotatividade. Com base nessas informações, vale oferecer aos clientes:

  • kits promocionais: combos com mercadorias com boa saída e aqueles itens que não fizeram muito sucesso;
  • descontos progressivos: descontos adicionais para quem compra mais de um item. Além de movimentar o estoque, a estratégia é interessante para aumentar o ticket médio;
  • vantagens: incentivos como brindes, frete grátis, cupom de desconto para usar na próxima compra, entre outros;
  • queima de estoque: em último caso, faça promoções com descontos agressivos para vender as mercadorias de baixa rotatividade.

7. Identifique oportunidades de cross-selling

O cross-sell, ou venda cruzada, é uma estratégia de vendas que envolve oferecer ao cliente produtos ou serviços adicionais que complementam ou são relacionados ao item que ele já comprou.

Por exemplo: se o consumidor comprou um notebook na sexta-feira, no pós-Black Friday você pode oferecer capa protetora, mouse, teclado, suporte de elevação, entre outros acessórios. Dá para fazer associação com móveis, como escrivaninha, cadeira para escritório etc.

Ainda assim, é fundamental realizar análises históricas para identificar padrões de compra e fazer sugestões coerentes. Além disso, é importante investir em ferramentas de automação para otimizar as campanhas sazonais. A lógica vale para e-mail de férias, Black Friday, Natal, Ano Novo e por aí vai.

8. Recompense os clientes que compraram na Black Friday

Como os clientes que compraram da sua marca durante a Black Friday já demonstraram interesse nos seus produtos ou serviços, vale oferecer incentivos adicionais para continuar vendendo, como descontos exclusivos.

Ações do tipo também são úteis para criar vínculos ou fortalecer o relacionamento. Veja algumas táticas importantes para esse fim:

  • descontos adicionais: disponibilize cupons com prazo de validade curto para incentivar compras após a Black Friday;
  • brindes ou amostras grátis: ofereça brindes e amostras grátis para agregar valor às compras e incentivar os clientes a experimentarem novos produtos;
  • acesso antecipado a promoções futuras: crie um senso de exclusividade e dê a oportunidade de clientes leais comprarem antes de todo mundo;
  • programas de fidelidade: estruture programas específicos para recompensar a fidelidade.

Aproveite para ler mais sobre vendas, marketing e gestão de clientes no nosso blog!

Como mensurar os resultados?

A mensuração dos resultados pós-Black Friday é essencial para garantir que o evento não seja apenas uma oportunidade de curto prazo, mas também um impulsionador sustentável de sucesso para o negócio.

Ao entender o desempenho, você pode adaptar suas estratégias, manter a relevância e construir relacionamentos duradouros com os clientes. Nesse contexto, vale ficar de olho nas seguintes métricas:

  • taxa de conversão;
  • retenção de clientes;
  • satisfação de clientes;
  • vendas adicionais;
  • engajamento nas redes sociais;
  • taxa de abertura de e-mails;
  • rotatividade de vendas e estoque parado;
  • CAC;
  • ROI.

A última sexta-feira de novembro movimenta o mercado com vendas de produtos e serviços de diversos segmentos. O que muita gente não sabe é que o pós-Black Friday também traz inúmeras oportunidades para liberar o estoque parado e fidelizar. De toda forma, lembre-se também de mensurar os resultados para aprimorar as estratégias das próximas datas sazonais, combinado?

Agora que você sabe como aproveitar a Black Friday, que tal entender como criar boas estratégias o ano inteiro? Baixe o e-book, a seguir, e saiba como identificar boas oportunidades de vendas.

 

Nova chamada à ação

 GET HERE

Originalmente publicado 29/11/2023 06:34:00, atualizado Novembro 29 2023

Temas:

Marketing Sazonal