Conheça o dia a dia de um desenvolvedor web

Escrito por: Denis Oliveira
Desenvolvedor-Web-Guide4

GUIA DO DESENVOLVEDOR WEB

Guia completo sobre Desenvolvimento Web

Download gratuito!
conheça o dia a dia de um desenvolvedor web

Atualizado:

Publicado:

O desenvolvedor web é o profissional que se dedica à criação e manutenção de sites e aplicativos para a web. Dominar a arte de projetar e manter as próprias páginas pode trazer vários benefícios, como melhorar a integração com o CRM e as taxas de conversão.

 

Guia Grátis

Quer investir na carreira de Desenvolvimento Web? Esse guia é para você!

Conteúdo completo com os primeiros passos, principais desafios e mais!

 

Descubra conosco a rotina desse profissional, as principais ferramentas utilizadas, as empresas onde é possível trabalhar e como ser um desenvolvedor de excelência na área. Boa leitura!

Para entregar o que o cliente deseja, algumas atividades são comuns a todos esses profissionais, como estruturar sites e apps, participar de reuniões e realizar testes. Veja:

  • fazer a codificação para estruturar sites e aplicativos, trabalhar na correção de erros, ajustes de layout e outras modificações necessárias para melhorar a performance de sites e aplicativos;
  • participar de reuniões com clientes, gerentes de projetos, designers e outros membros da equipe;
  • realizar testes regulares para garantir o funcionamento pleno do site e/ou aplicativo.

Como a tecnologia está em constante evolução, é importante que o desenvolvedor web tire um tempo para se manter atualizado sobre as mudanças e tendências.

Para cumprir as atividades listadas acima, o desenvolvedor web precisa usar algumas ferramentas de organização e gestão. Veja as mais importantes.

1. Bancos de dados

Os desenvolvedores usam bancos de dados para armazenar informações importantes utilizadas no processo de manutenção e criação de sites e aplicativos.

2. Controle de versão

Até um site ou aplicativo ficar redondo, muitas versões são atualizadas, e o desenvolvedor web tem ferramentas à sua disposição para isso.

3. Editores de código

Os editores são usados para escrever e editar os principais códigos utilizados nas linguagens de programação, como código HTML, CSS e JavaScript. Alguns dos softwares mais populares são o Atom, VSCode, Brackets, Sublime Text e Notepad++.

4. Frameworks

Os frameworks são estruturas de instruções, que ajudam desenvolvedores web na implementação, suporte, manutenção, controle e gestão de sites e aplicativos web. São ferramentas obrigatórias para os desenvolvedores cujos clientes precisam agilizar a criação de páginas e aplicativos.

5. Gerenciamento de projetos

O desenvolvedor não trabalha sozinho em um projeto. Para organizar e administrar o trabalho de toda a equipe, são utilizadas ferramentas como Jira, Trello e Asana.

[Download grátis]: vários templates de códigos HTML, CSS e JavaScript para você  usar nos seus projetos!  

O que um desenvolvedor web precisa saber?

Torna-se um desenvolvedor web e começar a programar pode ser importante para a sua carreira. Mesmo que você não trabalhe integralmente na profissão, entender sobre linguagem de programação, como funcionam os sites e os aplicativos contribui para uma rotina mais ágil, nos processos de tomada de decisão e em investimentos acertados em tecnologia.

Comece aprendendo o básico das linguagens de programação, como HTML, CSS e JavaScript. Depois, tente praticar com projetos simples, por exemplo, colocando no ar um calendário de dias úteis e feriados da sua empresa.

Seguindo a profissão definitivamente

Caso sinta que essa pode ser a sua profissão definitiva, construa o seu portfólio e publique online.

Abra-se sempre para as oportunidades de aprendizagem, como cursos, workshops de tecnologia, hackathons e outros eventos, onde, além de aprender, você pode construir um networking de qualidade. Invista também em aprendizados práticos, como estágios, trabalhos de meio período e atuando como desenvolvedor web freelancer.

Quais as principais linguagens de programação usadas pelo desenvolvedor web?

 

Os desenvolvedores web utilizam diversas linguagens de programação para criar aplicações e sites. A escolha muitas vezes depende das necessidades específicas do projeto, mas as principais incluem:

  • HTML (Hypertext Markup Language): linguagem de marcação fundamental para a criação de páginas web, já que define a estrutura e o conteúdo do documento;
  • CSS (Cascading Style Sheets): usado para estilizar páginas web, o CSS define a aparência e o layout dos elementos HTML;
  • JavaScript: uma linguagem de programação que permite a criação de páginas web interativas e é muito utilizada para manipular o conteúdo da página em tempo real e criar funcionalidades dinâmicas;
  • PHP: uma linguagem de script do lado do servidor bastante utilizada para o desenvolvimento web que é incorporada ao HTML e pode ser usada para criar aplicativos web dinâmicos;
  • Python: uma linguagem de programação versátil usada para desenvolvimento web por meio de frameworks como Django e Flask. Python também é utilizado para automação, análise de dados e outras aplicações;

Baixe agora mesmo o Guia de Introdução ao Python

  • Ruby: conhecida por seu framework web chamado Ruby on Rails, essa linguagem é utilizada para o desenvolvimento rápido e eficiente de aplicações web;
  • Java: uma linguagem de programação popular usada em diversas áreas, incluindo o desenvolvimento web. O framework Spring é utilizado para construir aplicações web em Java;
  • C# (C Sharp): desenvolvida pela Microsoft, é frequentemente usada para criar aplicações web na plataforma .NET;
  • TypeScript: uma extensão do JavaScript que adiciona tipagem estática ao código. É utilizado em projetos grandes e complexos;
  • Go (Golang): uma linguagem de programação desenvolvida pelo Google, conhecida por sua eficiência e desempenho. É utilizada para desenvolvimento de servidores web.

Como o desenvolvedor web trabalha desenvolvendo sites e aplicativos, os seus locais de atuação são variados. Afinal, não é preciso contratar uma empresa de tech para desenvolver o site de um negócio se houver um time de TI bem estruturado à disposição. Confira algumas possibilidades.

1. Agências de desenvolvimento

Agências de desenvolvimento web são empresas que se dedicam exclusivamente em oferecer projetos web, realizados por desenvolvedores.

2. Empresas de tecnologia

As empresas de TI trabalham com uma infinidade de soluções tech, incluindo sites e aplicativos. Amazon e Google são exemplos de grandes corporações do setor, mas existem startups menores e organizações locais consolidadas.

3. Órgãos governamentais

Governos municipais, estaduais e federais precisam, cada vez mais, de desenvolvedores web para colocar as suas páginas e aplicativos no ar.

4. Redes de ensino

As instituições de ensino são o melhor exemplo de empresas que podem ter um departamento de TI estruturado, oferecendo aos alunos um sistema eficiente de vestibular, aulas on-line, consultas a faltas e notas, entre outras necessidades atendidas pela web. Nos casos do ensino EAD, esse trabalho se faz ainda mais necessário.

5. Veículos de comunicação

Jornais, rádios e canais de televisão também precisam de times muito bem estruturados. Com as notícias divulgadas em tempo real, os sites e aplicativos devem ser responsivos e ficar no ar 24 horas por dia, 7 dias por semana, sem erros.

O desenvolvedor web integra as equipes para evitar que problemas aconteçam e alavancar o canal como o melhor portal de informação.

Qual o salário de um desenvolvedor web?

Segundo informações do Educa Mais Brasil sobre quanto ganha um desenvolvedor web, o salário depende de fatores como experiência, senioridade e porte da empresa. 

Em média, o salário de um desenvolvedor web iniciante de uma empresa pequena é de R$ 2.253,45, enquanto em uma grande empresa o valor chega a R$ 5.070,27. No nível sênior, uma pequena empresa paga cerca de R$ 4.950,83 e um negócio de grande porte paga salários de até R$11.139,38.

Quem ganha mais Dev web ou Dev Mobile?

As faixas salariais para desenvolvedores web e desenvolvedores mobile, de acordo com dados do Glassdoor, podem variar muito. Em média, um desenvolvedor web tem uma faixa salarial de cerca de R$ 5.390,00, enquanto um desenvolvedor mobile apresenta um salário médio em torno de R$ 4.930,00. 

É importante notar que esses valores são médias e estão sujeitos a alterações com base em fatores como região geográfica, tipo de empresa e níveis de qualificação e experiência profissional do desenvolvedor. 

Vale a pena consultar informações específicas da região, empresas e setor para obter uma visão mais detalhada das tendências salariais atuais.

Como está o mercado para Desenvolvedor Web?

O mercado para Desenvolvedores Web está com alta demanda e a tendência é que continue aquecido pelos próximos anos. 

De acordo com uma pesquisa do Google for Startups, estima-se que o Brasil enfrentará um déficit de 530 mil profissionais de tecnologia até 2025, e muitas dessas vagas estão relacionadas a desenvolvedores web especializados, ainda mais aqueles com maior senioridade.

A crescente digitalização de negócios, a expansão do comércio eletrônico, a evolução das tecnologias web e a necessidade contínua de desenvolvimento e manutenção de sites e aplicativos contribuem para a demanda significativa por desenvolvedores nesta área.

Empresas de diversos setores, desde startups até grandes corporações, buscam profissionais qualificados para atender às demandas crescentes por presença online e desenvolvimento de soluções web inovadoras. Para os desenvolvedores web, essa demanda contínua cria oportunidades de carreira promissoras, com a possibilidade de escolher entre uma variedade de setores e tecnologias. 

[Guia grátis] Veja como avançar na carreira de  Desenvolvimento Web

O desenvolvimento web está em constante evolução, impulsionado por novas tecnologias e expectativas dos usuários. Para ser um profissional requisitado e bem pago, é necessário estar por dentro das principais tendências do mercado. Conheça a seguir quais estão em alta e o que cada uma contempla.

1. Jamstack (JavaScript, APIs e Markup)

  • arquitetura moderna para criar sites rápidos e seguros, escolher temas etc.;
  • preocupa-se com a pré-renderização de páginas estáticas, utilizando JavaScript no lado do cliente e APIs para funcionalidade do lado do servidor;
  • melhora o desempenho e a segurança, simplificando os requisitos de hospedagem.

2. Estruturas CSS que priorizam a utilidade (Tailwind CSS)

  • abordagem flexível e fácil de manter para o design web;
  • classes utilitárias reutilizáveis aplicadas diretamente no HTML;
  • promove consistência de design, facilita a manutenção e se integra bem com frameworks front-end modernos.

3. WebAssembly (Wasm)

  • formato binário de baixo nível para executar código quase nativo nos navegadores;
  • permite o desenvolvimento de aplicações web de alto desempenho em linguagens como C, C++ e Rust;
  • facilita a execução de tarefas intensivas em recursos no navegador.

4. UI orientada para o servidor

  • lógica do lado do servidor gera dinamicamente a IU com base nos dados do usuário;
  • reduz a complexidade do front-end, simplifica atualizações e melhora a colaboração entre equipes.

5. Progressive Web Apps (PWAs)

  • combina elementos da web e de aplicativos móveis nativos;
  • oferece suporte offline, notificações push e instalação no dispositivo do usuário;
  • proporciona uma experiência de usuário otimizada em vários dispositivos.

6. Design API-First

  • ênfase no design de APIs antes da implementação da aplicação;
  • facilita a colaboração entre equipes de front-end e back-end;
  • promove código reutilizável e uma arquitetura flexível.

[Download grátis]: vários templates de códigos HTML, CSS e JavaScript para você usar nos seus projetos!

Quais os novos recursos do CMS Hub, atrelados à IA?

Desbloqueie o potencial máximo do seu trabalho como desenvolvedor web com os recursos inovadores do CMS Hub da HubSpot, potencializados pela inteligência artificial. Os recursos poderosos de IA são seus aliados na busca por uma abordagem mais inteligente e eficaz de automação por meio de um CMS.

A estratégia de IA da HubSpot abre portas para o futuro, como uma experiência única com o Gerador de Sites baseado em IA, permitindo que você crie facilmente um site de página única por meio de um construtor intuitivo e orientado por instruções simples. Portanto, saiba como escolher bem seu CMS!

Como a HubSpot pode ajudar um desenvolvedor web?

Você quer criar um site? Para o desenvolvedor web, a HubSpot tem uma ótima plataforma de criação de sites e aplicativos. O CMS Hub permite que você use as suas ferramentas favoritas, como testes e controle de versão, enquanto cria sites de forma rápida, intuitiva e segura.

Por ser integrado ao CRM, você também pode criar integrações personalizadas no CMS para que ele funcione corretamente, melhorando os resultados do negócio. Outras facilidades são as atualizações de plataforma e segurança automáticas. Tudo isso para você se dedicar às questões estratégicas enquanto nós trabalhamos no operacional.

O CMS Hub é o software de gestão de conteúdo perfeito para desenvolvedores web e flexível para profissionais de marketing. A HubSpot também oferece uma plataforma completa de comunicação para quem é desenvolvedor web, onde você pode criar aplicativos e sites para estimular um melhor crescimento de empresas em todo o mundo.

Aproveite as novas funcionalidades do CMS Hub e eleve sua carreira de desenvolvedor ao próximo nível!

New call-to-action

Artigos relacionados

Somos comprometidos com a sua privacidade. A HubSpot usa as informações que você nos fornece para entrar em contato sobre conteúdo, produtos e serviços relevantes. Você pode cancelar a assinatura dessas comunicações a qualquer momento. Para ter mais informações, consulte a nossa Política de Privacidade.

Pop up para TEMPLATES PARA AGÊNCIAS CONQUISTE, ENCANTE E RETENHA OS CLIENTES DA SUA AGÊNCIA

Organize a casa com esses templates para a sua agência encantar clientes!

Marketing software that helps you drive revenue, save time and resources, and measure and optimize your investments — all on one easy-to-use platform

START FREE OR GET A DEMO