Como vender na internet escolhendo o nome e logo certos

Como vender cursos on-line
Pedro Renan
Pedro Renan

Atualizado:

Publicado:

Todo esforço de marketing tem o objetivo de vender mais. É isso que se busca no final de tudo. Até mesmo na hora de escolher o nome do negócio e as cores do logotipo, o objetivo é vender. Por isso, na hora de montar uma loja virtual, umas das primeiras providências para vender na internet é começar bem: escolhendo um nome que faça seu público se identificar e entender seu negócio de cara e desenvolver um logotipo que acompanhe visualmente este conceito.

Como vender cursos on-line

Baixe nosso e-book e aprenda a criar, produzir e vender cursos on-line

  • Crie seus próprios cursos
  • Compartilhe conhecimento
  • Venda seu conteúdo
  • Técnicas de divulgação
Saiba mais

    Baixe agora

    Todos os campos são obrigatórios.

    Está tudo pronto!

    Clique neste link para acessar este recurso a qualquer momento.

    Antes de quebrar a cabeça correndo atrás de ideias para nomes e logos, lembre-se que tudo isso depende de seu posicionamento, a cara com que você quer que sua marca seja enxergada pelo mercado consumidor.

    O primeiro passo é listar alguns elementos que definem seu posicionamento, para que eles possam estar presentes tanto no nome como no logo de seu e-commerce, fazendo o público certo se identificar e encontrar sua loja virtual na rede e ajudando assim a vender mais na internet.

    Depois, tendo em mente estes conceitos e os parâmetros do posicionamento que devem ser transmitidos ao público alvo, vai ser bem mais fácil de achar ideias tanto para o logo como para o nome da empresa.

    Entenda seu posicionamento para vender na internet

    Qual a promessa de sua loja?

    Não basta definir o que você está vendendo e para quem, é preciso ser mais específico, deixando bem clara qual é a promessa que sua oferta entregará ao público.

    Normalmente, sua oferta se encaixa em uma destas 3:

    • Ou você tem ótimos preços e se posiciona como líder em custos.
    • Ou você é melhor em alguma característica importante do produto ou serviço. (o mais rápido, o mais elegante, o único completo, o maior, o primeiro, o mais gostoso etc.)
    • Ou você serve a um nicho específico. 

    Poderíamos dar como exemplo:

    Habib’s se posiciona como o mais barato.

    McDonald’s e Burger King querem ser vistos como os melhores e mais gostosos.

    Enquanto o Subway tem uma promessa de oferecer comidas para quem procura uma alimentação um pouco mais saudável no esquema fast-food.

    Isso é importante para definirmos a próxima etapa, que é associar alguns adjetivos ao seu posicionamento. Com isso será possível direcionar a criação do nome e do logo que sejam os mais adequados para você vender na internet com mais assertividade. 

    Que adjetivos definem sua loja virtual?

    Perceba que você não vai necessariamente usar esses adjetivos na sua comunicação. Eles apenas vão ajudar você a entender melhor que características e benefícios quer associar ao seu nome e logo.

    Pense assim: uma empresa que decidiu ser a líder em preços, pode atrelar adjetivos mais populares à sua lista, já outra que se posiciona como a mais elegante, usará atributos totalmente contrários a esses.

    Uma maneira rápida de escolher esses adjetivos é fazer comparações entre extremos e depois escolher apenas uns 4 ou 5 deles, veja:

    Seu e-commerce é:

    • Moderno ou tradicional?
    • Objetivo ou detalhista?
    • Arrojado ou cauteloso?
    • Diversificado ou focado?
    • Divertido ou sério?
    • Elitista ou popular?
    • Jovem ou maduro?
    • Exclusivo ou abrangente?
    • Simples ou complexo?
    • Frio ou caloroso?

    Como dissemos, não é preciso escolher mais de 4 ou 5 destas palavras, que são apenas exemplos, você deve verificar aquelas que melhor descrevem o seu negócio.

    Baixe nosso e-book e aprenda a vender cursos on-line

    Quem é seu público alvo?

    Como vender na internet sem conhecer para quem está vendendo? Defina claramente informações como:

    • Sexo
    • Idade
    • Região geográfica atendida
    • Profissão
    • Estado civil
    • Nível educacional
    • Renda

    E outras que achar necessário.

    Além disso, é importante definir um perfil psicológico deste público. O que ele gosta de fazer, quais seus valores? Você pode até criar uma persona: um personagem fictício típico que faria compras em sua loja.

    Com estas 3 questões definidas, agora você tem elementos para pensar no nome e no logo.

    Dicas para escolher o nome da empresa

    Existem algumas regrinhas básicas que você deve seguir:

    • Evite nomes muito grandes
    • Pense bem se deve usar palavras estrangeiras, dependendo do seu público, pode dificultar a memorização.
    • É fácil de repetir e lembrar.
    • Não é difícil de pronunciar.
    • Pense a longo prazo: não use um nome que restrinja uma ampliação de ofertas no futuro.
    • Seja simples e objetivo.
    • Seja original.
    • Se um concorrente usasse esse nome, o que você acharia?
    • Evite semelhança com outros nomes do mercado.
    • Deve ter um bom apelo junto ao seu público.
    • Deve retratar tudo que foi estudado sobre o posicionamento
    • Verifique se já existe.
    • Registre imediatamente!

    Depois de definir o nome, passe a criação do logo.

    Dicas para escolher o logo da empresa

    Tanto na escolha do nome como na criação do logo, o ideal é usar a ajuda de um profissional de comunicação e design, que saberá escolher as melhores cores, formas, tipografias e símbolos. Atualmente, existem sites especializados na criação de logomarca online, nomes de empresa e outros materiais, o que traz agilidade e economia a este processo.

    Ao dirigir ou avaliar este trabalho, leve em conta que o logo:

    • Deve ter personalidade: ser a cara da sua empresa!
    • Tem que ser único e original.
    • Passar os diferenciais da marca.
    • Estar de acordo com seu posicionamento.
    • Transmitir os adjetivos selecionados.
    • Pesquise as tendências do mercado, mas evite modismos passageiros.
    • Não pode ser complexo e difícil de entender.
    • Deve ser direto e objetivo para seu público.
    • De fácil reprodução em qualquer tamanho ou superfície.
    • Fácil de memorizar.

    Como você viu, não tem como vender na internet sem conhecer bem seu públio e sua oferta, para oferecer sempre um produto ou serviço que atenda às necessidades de seu consumidor. E para que eles enxerguem isso claramente, nada como um bom nome e logotipo que retratem fielmente o posicionamento do seu negócio.

    Este post foi escrito pelos nossos parceiros da We do Logos, o maior site de concorrência criativa da América Latina. Através do site você pode solucionar qualquer demanda de design, como criação de logos online, por exemplo, ou até mesmo desenvolvimento do nome da sua empresa. 

    Como vender cursos on-line: criação, divulgação e comercialização
    Tópicos: Branding

    Artigos relacionados

    Pop up para COMO VENDER CURSOS ON-LINE CRIAÇÃO, DIVULGAÇÃO E COMERCIALIZAÇÃO

    Baixe nosso e-book e aprenda a criar, produzir e vender cursos on-line

      Pop up para COMO VENDER CURSOS ON-LINE CRIAÇÃO, DIVULGAÇÃO E COMERCIALIZAÇÃO

      Marketing software that helps you drive revenue, save time and resources, and measure and optimize your investments — all on one easy-to-use platform

      START FREE OR GET A DEMO