Independentemente do cargo, empresa ou anos de experiência, uma entrevista de emprego é sempre um momento desafiador para o profissional. Afinal, não é tão simples lidar com todo o foco de uma pessoa querendo saber de você. Mas existem os momentos mais tranquilos e aqueles que exigem perspicácia na hora de dar uma resposta, como o conhecido — e temido — “fale um pouco sobre você”.

Prepare-se para uma entrevista de emprego com este kit gratuito

A primeira vez em que me perguntaram isso, falei sobre como gosto de ajudar as pessoas e tive certeza de que isso ia impressionar o entrevistador. Mas, depois que minha resposta clichê gerou um olhar de decepção no recrutador, entrei em pânico. Acabei tagarelando sobre como eu era divertido e falando da minha época como cantor de uma banda cover de Blink-182 na sexta série para justificar essa ideia. Preciso dizer que não consegui a vaga?

Se você estiver fazendo entrevistas para um novo cargo, sabe como é difícil encontrar uma resposta inovadora para essa questão tão comum. “Fale um pouco sobre você” é uma pergunta muito aberta. Mas também é como as entrevistas começam, então, sua resposta tem um grande impacto na primeira impressão do entrevistador.

Acesse agora 22 templates gratuitos para te ajudar a achar um novo emprego

Como diz o ditado, a primeira impressão é a que fica. Então, para mandar bem na entrevista de emprego é muito importante acertar o alvo nessa resposta. Continue a leitura deste artigo para saber como falar um pouco sobre você de forma mais criativa e eficiente durante uma entrevista. Confira!

Qual é a resposta certa para a pergunta “fale um pouco sobre você”?

A boa notícia é que não existe uma resposta única para essa pergunta. Para pensar na melhor forma de respondê-la, falamos com a recrutadora da Equipe de Crescimento da HubSpot, Claire McCarthy. Ela confirmou que não existe uma resposta definitiva, mas é importante aproveitar essa chance para mostrar sua proposição de valor e criar uma boa primeira impressão.

“Não existe resposta ideal”, ela diz. “Mas incentivo os candidatos a criarem uma proposição que aborde algumas coisas.”

De acordo com Claire, a proposição de valor ideal aborda:

  • sua motivação para chegar ao escritório e fazer seu trabalho a cada dia;
  • os desafios específicos que empolgam você;
  • o que você pode oferecer à empresa;
  • por que você quer trabalhar para a empresa;
  • por que você quer trabalhar para eles agora;
  • por que essa vaga é ideal para você.

Com o conselho de Claire, ajudaremos a desenvolver uma proposição de valor forte e coerente que responda a todas essas perguntas. E você poderá utilizá-la na sua próxima entrevista para mandar bem tanto na hora dessa pergunta quanto para conseguir a vaga.

Mas, afinal, como responder a pergunta “fale um pouco sobre você” durante uma entrevista de emprego? Para ajudar nessa tarefa, listamos algumas dicas que podem ser muito úteis para fugir do lugar-comum e conseguir conquistar a confiança do entrevistador. Veja só!

1. Descreva o que o motiva

Uma das características mais importantes que os recrutadores procuram é a motivação intrínseca. Pesquisas sugerem que colaboradores com motivação intrínseca produzem trabalho de mais qualidade do que os com motivação extrínseca.

Por isso, se contar uma história pessoal que mostre que você é um profissional motivado pelo que faz e não só alguém que é apaixonado pelas opções lucrativas da empresa, com certeza, chamará a atenção do recrutador. Para fazer isso, use proposições de valor assim:

Estou completando cinco anos de carreira na área de marketing de conteúdo e aprendi muito a meu respeito. Percebi, por exemplo, que me sinto mais realizado quando consigo criar histórias que ajudem e inspirem as pessoas”.

2. Explique que tipos de desafios o empolgam.

Os recrutadores não costumam contratar candidatos para manter o status quo da equipe. Eles contratam candidatos que desafiam e elevam o time a outros patamares. Para mostrar como você pode ser um catalisador da equipe, fale dos desafios do seu setor ou desta função especificamente, como no exemplo abaixo:

Hoje trabalhamos em um setor em que centenas de marcas brigam por um espaço limitado de atenção, o que satura nosso espaço com conteúdos medíocres. Nunca foi tão difícil superar o ruído. Mas isso não me intimida nem me desanima. É algo que me motiva a continuar sempre inovando e encontrando novas formas de me conectar com o público”.

O mais importante é não fugir muito da realidade que pode ser enfrentada dentro da função a ser exercida. Afinal, de que adianta falar sobre uma situação que só aconteceu com você em um trabalho completamente diferente? Caso queira seguir por esse caminho, pode ser importante apresentar um paralelo entre o que viveu e o que pode acontecer dentro da nova função.

3. Destaque suas habilidades mais relevantes

Depois que você explicar quais desafios despertam o seu interesse, pode falar de como tem as habilidades necessárias para dar conta deles e superar as expectativas na sua função. É relevante, porém, pensar em como as suas habilidades se encaixam na empresa e/ou na vaga que você quer entrar, como:

Há uma briga forte por atenção na área de marketing de conteúdo no momento e isso me impulsionou a melhorar minhas habilidades de escrita e análise de dados. Os dados são o que respaldam as decisões no nosso setor e eu sei que, se quiser ter um impacto em uma equipe, preciso ser bom na criação e na estratégia. Minha capacidade de me adaptar me permitiu aprender a extrair insights dos dados e transformá-los em uma história convincente”.

4. Fale sobre como você aprimora seus conhecimentos

O mercado exige cada vez mais profissionais que estão buscando aperfeiçoamento. Alguém que trabalhe com redes sociais, por exemplo, não pode ficar parado em um segmento que se atualiza constantemente. Conseguir passar essa mensagem pode ser fundamental para garantir uma vaga, mostrando que está sempre atrás de maneiras de se aperfeiçoar.

Além de apresentar um espírito competitivo e o sentimento de dono — já que está sempre em busca de novas informações para melhorar o rendimento no trabalho —, a busca pela inovação é uma característica relevante atualmente. Um exemplo:

O mercado exige um profissional atualizado constantemente e a forma que eu encontrei para me manter inteirado é procurando por novidades nas áreas mais relevantes dentro da minha rotina profissional. Mesmo que o trabalho com o software de e-mail marketing esteja bom, sempre posso procurar por novas alternativas ou estratégias de modo a fazer uma tarefa ainda melhor”.

Cursos da HubSpot Academy

5. Conte alguma entrega sua de que mais gostou e por quê

Outra forma de mostrar um pouco mais sobre você é apresentando algumas das suas entregas mais relevantes em outras experiências e como elas estão alinhadas com os valores da empresa que deseja entrar. Mais do que o resultado final, é necessário apresentar mais alguns detalhes, como os desafios que foram superados e os ganhos com a ação implementada. Seria algo assim:

Apesar de contar com uma equipe qualificada para a produção de conteúdo, os resultados da nossa estratégia de marketing de conteúdo não estavam tão bons e identificamos a necessidade de um software de CRM para entender mais sobre nossa persona. A partir do momento que adequamos nossos conteúdos, os resultados melhoraram, inclusive o trabalho da equipe de vendas, lidando com leads mais qualificados”.

6. Apresente quais são os valores que você não abre mão

O fit cultural com a empresa em que você deseja trabalhar também pode ser respondido dentro da pergunta “fale um pouco sobre você”. Afinal, os recrutadores buscam profissionais que possam se encaixar mais rapidamente ao ambiente de trabalho, facilitando o engajamento com o restante da equipe. A partir do momento que você acerta nessa mensagem, isso pode se tornar uma vantagem competitiva. Veja:

Assim como a empresa, eu também prezo muito pelo trabalho em equipe e pela transparência. Acredito que a comunicação é a melhor forma de estreitar os laços com o restante da equipe e conseguir criar um fluxo de trabalho que seja produtivo”.

7. Comente quais são suas ambições profissionais e o que você está fazendo para alcançá-las

Mesmo que seja um objetivo aparentemente mais distante, também pode ser interessante contar um pouco mais sobre as suas ambições profissionais e o que está fazendo para alcançá-las. Ter uma meta é fácil e qualquer um pode falar, o que reforça a importância de acertar em cheio na hora de apresentar os caminhos que está trilhando para chegar até lá. Vamos a um exemplo:

O meu grande objetivo é ter uma equipe para gerenciar, podendo reunir diferentes profissionais e realizar um trabalho que seja prazeroso e, ao mesmo tempo, renda frutos à empresa. Por isso, além de buscar constantemente atualizações de ferramentas e conceitos do meu dia a dia de trabalho, estou fazendo um curso específico para gestão de capital humano e pretendo fazer outras qualificações”.

8. Fale como você se relaciona em grupo e como reage a feedbacks

O trabalho em equipe e a forma como você reage aos feedbacks oferecidos por gestores e outros profissionais são situações cada vez mais comuns dentro do ambiente corporativo. Dessa forma, uma maneira de conquistar a confiança do entrevistador é justamente abordando exemplos e situações em que você se relacionou bem ou reagiu positivamente às avaliações.

Até mesmo o processo de evolução pode ser importante de ser ilustrado. É natural que um profissional evolua ao longo do tempo e reconhecer alguns dos erros do passado e a forma como evoluiu também pode ser interessante. Ademais, citar exemplos em que realizou um trabalho positivo em equipe ou mesmo a maneira como lidou com uma crítica construtiva é outra opção.

Também é importante mostrar outra perspectiva — como você dá os feedbacks aos seus pares? A forma como se posiciona durante um momento tão delicado de avaliação pode ser definitiva para conseguir uma vaga. Sendo assim, pode ser relevante mostrar um pouco do seu tato para passar uma avaliação mais negativa ou até mesmo como reagir em determinadas situações.

9. Explique em detalhes por que você quer trabalhar para aquela empresa.

Destacar suas habilidades mais relevantes vai capturar a atenção do seu recrutador. Mas, para impressionar mesmo, fale de como sua paixão e suas habilidades se alinham aos interesses e aos objetivos da empresa, como no exemplo abaixo:

É por isso que acho que eu seria um profissional de alto impacto aqui, pois vocês valorizam muito duas coisas: tomar decisões objetivas baseadas em dados e contar boas histórias. Acho que posso ajudar nesses dois aspectos”.

10. Ilustre por que você quer trabalhar para eles agora

Depois que falar por que quer trabalhar para a empresa, explique por que agora. Isso mostra que você tomou a iniciativa de pesquisar o que vem acontecendo com a empresa e, com certeza, o recrutador vai valorizar essa proatividade. Confira o exemplo abaixo:

Esse também é um momento excelente para se trabalhar na HubSpot. Participei do Inbound em setembro e fiquei impressionado com os novos produtos da empresa. É claro que a HubSpot está focando em inovação e oferece sempre o que há de melhor no setor. Seria muito legal fazer parte disso”.

11. Mostre que você é a pessoa adequada para aquele trabalho

Para fechar com chave de ouro sua proposição de valor, mostre ao recrutador com números que você usou suas habilidades a fim de melhorar sua equipe atual. Essas experiências anteriores atestam sua qualidade e qualificam você como o colaborador que pode levar a equipe ao próximo nível. E termine com algo assim:

Fui o estrategista de conteúdo com o melhor desempenho na minha empresa atual, dobrei o número de visualizações do blog e aumentei nossa lista de assinantes de e-mail em 40% em somente 1 ano. Acho que poderia ajudar a desenvolver uma estratégia de conteúdo interessante, escrever as melhores histórias de marketing de tecnologia e criar um público ainda mais fiel para a HubSpot”.

Como ficaria um exemplo completo de resposta para “Fale um pouco sobre você”?

Uma resposta boa para a pergunta “Fale um pouco sobre você” seria mais ou menos assim:

“Estou completando cinco anos de carreira na área de marketing de conteúdo e aprendi muito a meu respeito. Percebi, por exemplo, que me sinto mais realizado quando consigo criar histórias que ajudem e inspirem as pessoas.

Hoje, trabalhamos em um setor no qual centenas de marcas brigam por um espaço limitado de atenção, o que satura nosso espaço com conteúdos medíocres. Nunca foi tão difícil superar o ruído. Mas isso não me intimida nem me desanima. É algo que me motiva a continuar sempre inovando e encontrando novas formas de me conectar com o público.

Há uma briga forte por atenção na área de marketing de conteúdo no momento e isso me impulsionou a melhorar minhas habilidades de escrita e análise de dados. Os dados são o que respaldam as decisões no nosso setor e eu sei que, se quiser ter um impacto em uma equipe, preciso ser bom na criação e na estratégia. Minha capacidade de me adaptar me permitiu aprender a extrair insights dos dados e transformá-los em uma história convincente.

É por isso que eu seria um profissional de alto impacto aqui, pois vocês valorizam muito duas coisas: tomar decisões objetivas baseadas em dados e contar boas histórias. Acho que posso ajudar nas duas coisas.

Esse também é um momento excelente para se trabalhar na HubSpot. Participei do Inbound em setembro e fiquei impressionado com os novos produtos da empresa. É claro que a HubSpot está focando em inovação e oferece sempre o que há de melhor no setor. Seria muito legal fazer parte disso.

Fui o estrategista de conteúdo com o melhor desempenho na minha empresa atual, dobrei o número de visualizações do blog e aumentei nossa lista de assinantes de e-mail em 40% em somente 1 ano. Acho que poderia ajudar a desenvolver uma estratégia de conteúdo interessante, escrever as melhores histórias de marketing de tecnologia e criar um público ainda mais fiel para a HubSpot”.

Como usar o “Fale um pouco sobre você” para se vender?

“Fale um pouco sobre você” deve ser um dos pedidos mais temidos da história das entrevistas de emprego. Mas se você compreender por que os recrutadores fazem essa pergunta, poderá transformar sua resposta em um jeito de se vender.

E, se estruturar sua proposição de valor, como fizemos acima, conseguirá dar uma resposta excelente a essa pergunta, causar uma ótima boa impressão e melhorar muito suas chances de conseguir a vaga.

Em um momento que costuma ser tenso a qualquer candidato, fugir do lugar-comum é importante para mostrar ao entrevistador que você sabe como se vender. Ao se preparar melhor para responder ao questionamento “fale um pouco sobre você”, suas chances de apresentar uma resposta interessante e que aumente a possibilidade de conquistar a vaga são muito maiores.

Agora que você já sabe como responder ao temido “fale um pouco sobre você” durante uma entrevista de emprego, que tal seguir atualizado em outros temas que podem ser relevantes ao seu futuro e desenvolvimento profissional? Assine a nossa newsletter e receba outros conteúdos úteis como este para a sua carreira diretamente na caixa de entrada do seu e-mail!

Encontre um novo emprego
 GET HERE

Originalmente publicado 23/mar/2022 7:00:00, atualizado Abril 22 2022

Temas:

Recrutamento