Quando o assunto é desenvolvimento empresarial, conceitos muito importantes devem ser considerados, como a missão, visão e valores. Com eles, você consegue elaborar o planejamento estratégico de uma empresa.

Guia Gratuito

Como definir missão, visão e valores

Conte-nos um pouco sobre você para acessar o conteúdo

Essa estruturação é considerada uma ação de longo prazo e engloba a companhia como um todo, de modo organizado. Nela, existe uma junção dos ambientes externo e interno.

Esses fatores facilitam o processo de tomada de decisão, além de servirem como base para a criação de um novo objetivo na empresa. Além disso, eles devem deixar muito claro qual caminho precisa ser seguido e aonde a organização deseja chegar.

Esses conceitos são bem comuns no setor corporativo e, dessa forma, definem o propósito da companhia. Diante disso, preparamos este guia para que você saiba como aplicar esses princípios em sua empresa. Boa leitura!

O que é a missão da empresa?

A missão de uma empresa é o seu motivo de ser, a razão pela qual o negócio se constitui e atua diariamente. Assim, podemos dizer que é o destino comum de seus funcionários.

Nessa perspectiva, é fundamental apontar que a missão traz em sua constituição o propósito essencial da companhia para os seus stakeholders, fortalecendo a motivação para atuar no negócio. Dessa maneira, o conceito deve responder a 3 indagações importantes:

  1. o que a organização faz;
  2. como ela faz;
  3. para quem faz.
Baixe nosso e-ebook e veja como criar a missão, visão e valores da sua empresa

Você percebe que o conceito de missão facilita a gestão do negócio de modo objetivo e diretamente ligado ao seu core business, ao passo em que cria ideias que se tornam simbólicas para a organização. Isso tudo contribui para a construção da cultura organizacional.

É exatamente por ser tratada como a identidade que a missão não pode ser modificada frequentemente, uma vez que isso demonstraria que a companhia está mudando a si mesma.

Algumas empresas preferem explicar minuciosamente como chegar ao sucesso e mensurá-lo; outras já sintetizam a missão em apenas uma frase, por exemplo: “impulsionar pessoas e negócios a conquistarem seus melhores resultados”.

Assim, a missão serve para identificar a empresa, como se fosse sua carteira de identidade. E, como o documento, é preciso atualizar seus dados, para evitar que fiquem ultrapassados. A organização também deve rever seus conceitos e se adequar às transformações da sociedade e do mercado, mas sem se distanciar da sua essência.

Além disso, é preciso que haja um diálogo constante com os colaboradores, para avaliar o entendimento que eles têm sobre o negócio. Com essa comunicação, você pode compreender quais pontos são questionados e quais são as sugestões dos profissionais.

Se a companhia não cumpre o que estipulou como missão, certamente terá sua reputação colocada à prova, não é mesmo? Isso pelo fato de que, mesmo que uma marca invista em comunicação com o objetivo de explicar à equipe e ao mundo a que veio, somente por meio de ações eficientes é que ela demonstra sua função na sociedade.

Uma missão é imprescindível para alcançar uma boa imagem no mercado. No mundo corporativo, a missão de uma organização se conecta diretamente com sua lucratividade e seu objetivo social. Isso quer dizer que ela precisa sempre orientar as estratégias financeiras, humanas e sociais.

Como criar?

Para saber como criar a missão, os gestores devem atentar a atitudes essenciais que precisam ser colocadas em prática. É preciso entender para que a empresa existe e qual é o seu objetivo nos negócios.

Assim, se uma organização ainda não está constituída, ela é uma ideia que se encontra apenas na mente do empresário. Se ela já está em funcionamento, os elementos para construir a missão podem ser identificados e descritos.

A missão é capaz de determinar a estratégia de crescimento do negócio, suas metas, seus objetivos e indicadores. Uma boa missão deve demonstrar a vantagem criada pela empresa para o consumidor.

Desse modo, uma companhia precisa existir não apenas para produzir uma mercadoria ou prestar um serviço, mas também para oferecer o benefício do produto ou serviço ao seu público.

A missão também precisa propor desafios a todos que fazem parte da organização e incentivar o engajamento nas entregas aos consumidores. Tudo isso é um modo de elevar o negócio ao patamar do sucesso, certo?

Quais exemplos seguir?

Vemos empresas que têm uma missão bastante inspiradora. Assim, você pode considerá-las como referências para a construção desse conceito. No entanto, precisamos ressaltar que cada missão é única e deve ser o espelho do objetivo da companhia.

Conheça alguns exemplos que podem servir de inspiração no momento da construção de sua missão!

Microsoft

A função da Microsoft é auxiliar empresas e pessoas em todo o planeta a conquistar seu potencial. Ou seja, segundo a gigante da tecnologia, tudo que ela faz reflete na missão e nos valores para tornar seus objetivos possíveis e alcançáveis.

Google

A Google prega que sua missão é organizar dados de todo o mundo e torná-los úteis e acessíveis em uma perspectiva universal.

Fiat

A missão da Fiat é desenvolver, produzir e comercializar veículos e serviços que as pessoas tenham orgulho de possuir, fazendo com que haja uma criação de valor e sustentabilidade do negócio.

McDonald’s

O foco é servir alimentos de qualidade, levando em conta o atendimento simpático e rápido, em um ambiente limpo e agradável.

Avon

A Avon busca ser a organização que melhor entende e satisfaz as necessidades de serviços e produtos para as mulheres em todo o planeta.

HubSpot

A HubSpot acredita as empresas podem crescer com consciência e vencer com alma, e que é possível fazer isso com a metodologia inbound. Por isso é que a nossa plataforma reune software, educação e comunidade, para ajudar empresas a crescer melhor todos os dias.

O que é a visão da empresa?

Outro conceito do conjunto missão, visão e valores de uma empresa é a visão. Ela é um meio que permite que a organização realize sua trajetória de maneira eficiente na sociedade. É a imagem do futuro ao qual se busca chegar por meio da determinação e do trabalho.

A visão materializa como a empresa deseja ser vista ao longo do tempo. Mas isso exige coerência; por isso, ela não pode ser confundida com os objetivos e estratégias organizacionais. A visão, dessa forma, pensa no negócio como um todo.

A visão é um tema que pode direcionar todas as estratégias e projetos de um negócio, independentemente do segmento de atuação. Além disso, ela é um princípio que busca viabilizar a melhoria e estruturação nas empresas.

Observamos que a visão guia as empresas que procuram criar estratégias empresariais eficientes, que podem ser compreendidas por meio de algumas perguntas.

  • Como a companhia se vê a longo prazo?
  • Como a empresa deseja ser visualizada pelo seu público?
  • Em que lugar a organização pretende estar e qual tipo de cliente ela visa atender?
  • Essa visão é possível de alcançar?

Enfim, a visão é objetiva e simples: englobar toda a organização, ter uma fácil assimilação, ser desafiadora e apresentar um motivo nobre, inspirador, ético e de valor.

São os líderes da companhia que devem entender a fundo sobre essa visão, a fim de repassá-la para seus colaboradores. Isso permite que a comunicação fique clara e que todos possam contribuir para que esse conceito seja colocado em prática.

Como criar?

Para criar a visão, você vai precisar adotar práticas que busquem a otimização da cultura organizacional. Para ter uma visão estruturada e séria, é fundamental estipular indicadores e metas de curto, médio e longo prazo.

Muitas empresas ainda não consideram a visão como um fator determinante para alcançar metas e implementar estratégias eficientes. Isso acontece porque, às vezes, um negócio não se preocupa com o desenvolvimento a longo prazo, acreditando que as soluções devem apenas ser imediatas. Esse pensamento, no entanto, pode prejudicar os processos internos da companhia.

Do mesmo modo que a missão, a visão é fonte de energia para a busca do resultado. Assim, estipular aonde se almeja chegar e criar estratégias para isso é o melhor percurso.

Quais exemplos seguir?

Veja, na prática, a visão de algumas empresas de sucesso.

Nike

Tem como visão ser referência em artigos esportivos, mantendo dessa forma uma união com a qualidade de vida das pessoas.

Coca-Cola

Busca orientar todas as questões do seu negócio, detalhando o que precisa conquistar para continuar com um crescimento de qualidade e sustentável.

Apple

Visa oferecer momentos em que uma palavra vale mil imagens.

Samsung

Tem a visão de se manter em primeira posição no mundo na mesma linha de negócios.

O que são os valores da empresa?

Os valores consistem em atitudes e crenças que fazem parte de regras para os colaboradores, formando uma filosofia que deve ser seguida para alcançar resultados positivos. É fato que os valores compõem o DNA da organização; assim, precisam ser seguidos por todos.

Os valores são complementares à missão e à visão. Eles buscam motivar todos os envolvidos, a fim de fazer com que a organização seja mais ativa e mantenha a otimização dos seus processos.

Desse modo, uma companhia pode ter como missão: “oferecer itens saudáveis”, como visão: “a fim de ser reconhecida pela qualidade de seus serviços” e como valor “prezar pela sustentabilidade ao mesmo tempo em que cuida da qualidade de vida da sociedade”.

Percebemos que é a partir desses valores que a equipe de uma empresa compreende normas de conduta, como informar bem os clientes, ter proatividade e respeitar o local de trabalho. Tudo isso se enquadra nesse conceito que busca otimizar os processos de tomada de decisão.

Os líderes de uma organização definem esses valores por meio de uma análise eficiente da relevância de suas convicções éticas e morais. Eles também precisam pensar em qual é o comportamento correto dos colaboradores e como é possível auxiliar a sociedade.

Sendo assim, os valores tentam orientar os funcionários da empresa para que eles estejam em conformidade com os padrões comportamentais exigidos no cotidiano do negócio. Lembre-se de que uma companhia dificilmente será capaz de conquistar resultados positivos a longo prazo sem uma definição de valores.

Por exemplo: a missão trabalha como um direcionamento que os líderes da empresa tentam passar. A visão, nesse caso, será o projeto, ao passo que os valores serão o reflexo da personalidade do negócio.

missão visão e valores

Como criar?

Os valores precisam ser definidos e identificados por meio de uma estrutura comum que está no DNA do negócio. Geralmente consistem em palavras-chave ou expressões que determinam comportamentos e atitudes, tanto para o público externo quanto para sua equipe.

Para defini-los, você deve olhar para dentro, mas também convém observar o que se passa externamente a fim de compreender que tipo de valor precisa servir como base para que a companhia alcance seu espaço no mercado.

Os valores precisam ser claros e objetivos, de forma a simplificar o seu entendimento. Assim, conecte os valores aos objetivos de longo prazo da empresa. Faça a defesa dos valores que tenham relação com o tipo de solução que a organização oferece.

Coloque tudo no papel e procure se comportar como seu público gostaria, levando em conta atitudes e comportamentos que fariam a sua empresa ser lembrada.

Dessa maneira, é de vital importância para a reputação e o sucesso de uma empresa que gestores, colaboradores, parceiros e fornecedores estejam alinhados aos valores corporativos.

Com a prática, os valores acabam se alinhando no médio e longo prazo. Isso proporcionará maior segurança a todos os envolvidos e ajudará a oportunizar uma relação de confiança nos negócios.

Quais exemplos seguir?

Algumas empresas investem bastante na missão, visão e valores. Veja, a seguir, alguns exemplos interessantes.

Avon

Trata valores levando em conta a confiança, respeito, humildade, crença e integridade.

Banco Itaú

Preza que uma estratégia somente é boa se apresentar valor para seus clientes. Além disso, diz que a ética é inegociável, levando em conta que, em uma negociação, seus argumentos devem ser éticos e pautados no respeito.

Microsoft

Busca a integridade e a honestidade para com seus clientes e parceiros. Utiliza a tecnologia para contribuir com o desenvolvimento e aceita grandes desafios para cumpri-los com qualidade e eficiência. Investe no crescimento do pessoal e aceita cumprir todos seus compromissos com responsabilidade.

Cacau Show

Seu valor é demonstrar a paixão por realizar. A marca trabalha pela inovação e transformação digital, sempre atenta aos detalhes. Busca cultivar relações com pragmatismo e carinho.

Por que se preocupar com a missão, a visão e os valores?

Como você percebeu, a missão, visão e valores são muito importantes para as empresas, já que eles embasam a cultura organizacional. Por isso, é fundamental se preocupar com esses conceitos a fim de não gerar consequências negativas aos negócios.

A cultura organizacional é entendida como a junção de crenças, valores, costumes, hábitos, pressupostos, experiências, comportamentos e regras compartilhadas por todos os integrantes de uma corporação. Ela leva em conta as expectativas dos colaboradores e se fundamenta nas atitudes dos que estão dentro de uma empresa. Dessa maneira, cria-se o ambiente de trabalho.

A cultura organizacional está em regras determinadas e documentadas, assim como em atitudes que quase passam despercebidas se não analisadas. Todas essas características integram a identidade da marca.

Ressaltamos que a cultura é alcançada pela forma de agir dos líderes e funcionários, e isso é capaz de impactar o modo como se dará o comportamento das pessoas.

Assim, compreendendo que a missão, a visão e os valores são a estrutura da organização, você poderá direcionar cada uma de suas estratégias. E se não explicar o que cada conceito quer dizer, toda a companhia perde a oportunidade de criar a própria imagem de modo positivo.

Existem ainda outros pontos para se preocupar, uma vez que sem missão, visão, nem valores consistentes, uma organização pode:

  • se perder da própria natureza, desperdiçando recursos e lidando com resultados insatisfatórios que a distanciam do objetivo que justifica sua constituição;
  • realizar contratações incoerentes por não ser capaz de identificar quais profissionais apresentam perfis alinhados à cultura organizacional;
  • não ter clareza de como chegar a seu propósito, cometendo falhas que levam a questionamentos errados sobre a finalidade do negócio;
  • perder talentos e parcerias que, por falta de conhecimento da missão, visão e valores da organização, acreditam que o relacionamento não seja válido;
  • ter dificuldades para observar oportunidades consistentes de crescimento por não entender, nem avaliar, qual visão é a mais adequada para efetivamente otimizar o negócio.

Como utilizar esses conceitos de maneira estratégica?

A partir do entendimento da missão, visão e valores, é possível realizar um planejamento eficiente na empresa para, assim, se diferenciar em relação aos concorrentes do seu campo de atuação. Além disso, esses conceitos evidenciam a função da organização para os clientes, os colaboradores e a sociedade.

Dessa forma, estipular missão, visão e valores de uma organização é a melhor maneira de incentivar a motivação, a criatividade, o engajamento e a produtividade dos colaboradores. Assim, eles vão buscar estar integrados e alinhados com a cultura organizacional.

A união desses conceitos importantes é um excelente modo de apontar se a companhia conta com uma gestão eficiente e inovadora. Para defini-los, os líderes devem adotar as seguintes ações:

  • se manter focados em promover transformações que possam melhorar e não prejudicar a cultura organizacional da corporação;
  • saber discernir os três conceitos de modo claro, rápido e objetivo;
  • dominar metas e objetivos relacionados à missão, à visão e aos valores;
  • dedicar-se à elaboração de cada um dos fundamentos, aplicando o tempo necessário para isso;
  • instituir uma estratégia concreta, tangível e realizável.

Para utilizar esses conceitos de maneira estratégica no dia a dia da companhia, é fundamental que todos os envolvidos nas equipes estejam alinhados à cultura organizacional. Somente dessa maneira essas definições serão, efetivamente, reproduzidas.

Além disso, você precisa acompanhar para se certificar de que tudo está ocorrendo como o que foi proposto inicialmente. No entanto, para alcançar esse objetivo, é essencial buscar implementar os conceitos de missão, visão e valores no negócio. Afinal, como é possível verificar algum processo sem saber do se trata?

Sendo assim, faça o uso desses três conceitos como pilares de todas as decisões a serem tomadas na organização. Isso abrange desde demandas de atendimento ao consumidor até a administração de conflitos internos. De igual modo, o tripé precisa conduzir, decisivamente, a criação de todo e qualquer processo interno.

É interessante que os gestores e colaboradores tenham entendimento de fato sobre a importância da missão, visão e valores para o desenvolvimento organizacional. Eles também devem compreender o quanto esses conceitos de fato promovem o diferencial da identidade da marca no mercado em relação ao seu modelo de operar, padrões comportamentais e compreensões de futuro.

Esses três princípios precisam dirigir todas as tomadas de decisões da organização. Isso envolve a elaboração de novas estratégias de marketing, o atendimento ao cliente, a jornada de compra de clientes, os lançamentos de novos itens, dentre outros aspectos da operação.

Gostou deste artigo? Que tal saber agora como criar marcas de valor com o Inbound Marketing e Branding?

Como definir missão, visão e valores
 Missão, visão e valores ebook

Originalmente publicado 23/12/2021 07:00:00, atualizado Setembro 07 2022

Temas:

Branding