Entender como realizar uma boa análise da concorrência é fundamental para que você possa encontrar boas maneiras de diferenciar sua marca das demais. Isso contribui para melhorar sua avaliação do mercado, ajustar a maneira de se relacionar com o público e identificar os canais de comunicação que a audiência prefere. Mas você deve estar se perguntando: como posso fazer isso?

 

Download gratuito

[Download gratuito] Tudo o que você precisa saber para fazer chegar a um diagnóstico inteligente com a sua análise de mercado

Os principais benefícios de uma boa análise de mercado e veja como desenvolver a sua

 

Pensando em esclarecer sobre as melhores práticas para analisar o mercado de maneira profunda e diferente do que é feito normalmente, organizamos um guia com as principais estratégias para você adotar. Siga a leitura e descubra como é possível ter acesso a informações valiosas por meio da análise dos seus concorrentes.

Além disso, essa avaliação envolve ações de benchmarking, para a verificação de produtos, serviços, preços, canais de distribuição, posicionamento da marca, estratégias de marketing e outros aspectos que impactam o resultado dos concorrentes.

Com o aumento da competitividade, é importante adotar uma visão panorâmica do seu mercado, a fim de obter insights valiosos, que podem trazer algumas sugestões de melhoria para a sua própria empresa.

Essa prática também pode ser útil para as etapas de planejamento e desenho de cenários futuros, pois permite que sua corporação identifique novos padrões de consumo, verifique lacunas que podem ser exploradas e mantenha sua marca relevante para os clientes.

Qual a importância em analisar a concorrência?

Ao realizar uma análise da concorrência de maneira cuidadosa, você consegue levantar vários dados, informações e até mesmo indicadores, que poderão ser usados no planejamento estratégico, na criação de campanhas de marketing e até mesmo na elaboração de novos produtos ou serviços. Veja, a seguir, como esse processo pode ajudar sua instituição.

Ajuda a identificar vantagens competitivas

Ao olhar para o seu mercado de maneira abrangente, você consegue perceber padrões, práticas, estratégias e recursos que conferem vantagens competitivas em relação às demais marcas presentes.

Isso é essencial para verificar sua condição atual e saber como alcançar algum grau de diferenciação. Essa vantagem pode ser proveniente de algum recurso exclusivo, de um atendimento humanizado ou por meio de diversos canais de comunicação com o público, que otimiza a experiência do consumidor.

Traz novos conhecimentos sobre o mercado

Por meio dessa verificação, sua equipe consegue ampliar as percepções sobre o mercado, no que se refere à preferência dos consumidores, ao nível de preços, ao público-alvo e outros aspectos importantes para as atividades comerciais e publicitárias.

Tais informações são relevantes na tomada de decisão, na realização de novos investimentos e na identidade da marca.

Antecipa mudanças ou ameaças

Essa pesquisa também é uma ótima forma de verificar ameaças competitivas e mudanças no mercado que podem impactar suas atividades. Isso envolve desde as preferências do público até alguma regulamentação específica que afete a forma como sua empresa trabalha.

Ao monitorar os concorrentes, você verifica ações que podem impactar negativamente sua marca, conhecer mudanças nos níveis de preço e pode se preparar de maneira adequada para os próximos períodos.

Apresenta oportunidades

Outro aspecto relevante dessa análise se refere a possibilidade de identificação de necessidades ou desejos do público que não são atendidos atualmente. Essa lacuna apresenta uma ótima oportunidade para sua empresa inovar e alcançar novos consumidores.

Isso também faz com que a empresa tenha a oportunidade de criar produtos ou serviços com foco em novas tendências, explorando segmentos e conquistando uma posição única. Assim, até seus concorrentes se prepararem, você já fidelizou uma grande fatia do mercado.

[Baixe agora]: guia completo para a análise de mercado eficiente!

Existem diversos passos que vão te ajudar na análise da concorrência. O conhecimento sobre eles é a primeira etapa para entender os competidores de maneira estratégica. A partir disso, basta implementar as dicas para colocar esse processo em prática e colher os resultados. Confira, a seguir, os principais passos.

1. Defina os principais concorrentes

A primeira etapa para avaliar os concorrentes é fazer a identificação deles. Essa fase, apesar de óbvia, é muito importante para o sucesso da análise e identificação de oportunidades no mercado. Você pode incorporar as seguintes dicas para definir os principais competidores:

  • entenda o segmento de atuação da sua empresa;
  • saiba como o seu negócio está posicionado;
  • avalie as principais características dos potenciais concorrentes, como tamanho, percepção de marca e outros;
  • invista na análise de ofertas dos potenciais competidores;
  • mensure a performance das empresas do seu nicho.

Esses passos ajudam na hora de compreender quais são os reais concorrentes da empresa. Com eles, você pode verificar diversos fatores das empresas, como precificação adotada, promoções, imagem das marcas e outras questões técnicas importantes para se destacar no mercado.

2. Detalhe os produtos da concorrência

Uma segunda dica para conseguir analisar a concorrência de maneira adequada é com relação aos produtos oferecidos pelas empresas no nicho de atuação. Esse passo é crucial para conseguir verificar como as suas ofertas se diferenciam dos competidores e quais são as oportunidades existentes.

É possível avaliar as características dos produtos ou serviços, como eles são entregues aos consumidores, quais são os problemas que cada produto resolve, qual é a precificação adotada e se existe demanda pelos itens oferecidos.

A partir dessa avaliação, torna-se mais simples compreender os pontos fortes e fracos dos concorrentes e investir em ações que ajudem a sua empresa a se destacar e aumentar os resultados.

3. Analise as táticas de vendas e os resultados

Estude a estratégia de venda aplicada, identificando os canais utilizados pelas empresas que estão no mesmo mercado de atuação. Essa também é uma prática importante que deve ser aplicada na sua análise da concorrência.

Avalie como os concorrentes fazem suas vendas e quais são os resultados alcançados. Por exemplo, faça uma tabela de análise da concorrência com o número de canais utilizados, e principais estratégias adotadas para vender. A partir disso, pense em como diferenciar o seu negócio para obter melhores resultados e invista em treinamentos de vendas.

4. Estude a estratégia de marketing

Com essa investigação, você consegue entender o posicionamento de mercado dos concorrentes e se são obtidos bons resultados por meio deles.

Ou seja, é possível investigar quais são as estratégias de marketing e vendas utilizadas pelas empresas do mercado. Também é possível identificar as redes sociais mais utilizadas para vendas, uso de promoções e estratégia de criação de conteúdo. A partir dessa observação, torna-se possível encontrar oportunidades de diferenciação.

5. Observe a presença nas redes sociais

Além de identificar quais redes sociais são utilizadas pelos concorrentes, é essencial entender como eles aplicam suas estratégias nesses ambientes digitais. Essa avaliação auxilia a melhorar o posicionamento do seu negócio e se diferenciar dos competidores para aumentar os resultados de vendas.

Portanto, avalie de que forma as demais companhias do mercado estão usando as mídias sociais em suas estratégias de marketing digital e vendas. Além disso, compare os tipos de promoções ofertadas com as que são adotadas em sua empresa. Busque identificar possíveis oportunidades de diferenciação. Essa prática tende a gerar ótimos retornos e destaque para a sua marca.

Quais são os tipos de concorrentes?

Por fim, vale também saber quais são os tipos de concorrentes para avaliar cada um deles em seu estudo de mercado. A seguir, listamos os principais:

  • concorrente direto — a oferta do outro negócio é equivalente a da sua empresa. Além disso, tem o mesmo público-alvo que o seu;
  • concorrente indireto — quer atrair os mesmos consumidores que você, porém, os produtos são diferentes. Apesar disso, os clientes vão comprar ou de você, ou dos concorrentes indiretos.

Assim, é preciso investigar as ações dos concorrentes diretos e indiretos. Essa avaliação vai garantir a melhora nos resultados e identificação de oportunidades de diferenciação.

Realizar uma boa análise da concorrência não é mais uma prática voltada apenas para grandes empresas. É um recurso necessário para qualquer tamanho e segmento de negócio, que proporciona mais inteligência para o planejamento estratégico de marketing e tomada de decisões competitivas. Portanto, não deixe de contar com uma ferramenta tão importante quanto essa para gerenciar os seus projetos.

Quer ter mais segurança na hora de montar uma boa estratégia na gestão de sua empresa? Então confira agora o Checklist de Planejamento Estratégico da HubSpot e não deixe nenhuma informação relevante de fora!

Nova chamada à ação

  GET HERE

Originalmente publicado 18/07/2023 07:00:00, atualizado Julho 18 2023

Temas:

Estratégias de Marketing