Talvez você saiba que seu conteúdo no Instagram é bom. Ainda, entende a importância da rede social para atrair e converter leads. É por isso que investe tempo na produção de publicações de qualidade. Imagine, então, que incrível seria se mais 10.000 pessoas estivessem curtindo essas publicações e comentando o quanto gostam dos posts da sua marca.

Para quem deseja expandir o alcance de uma marca com rapidez, comprar seguidores no Instagram pode ser tentador, não é mesmo? Afinal, o processo é rápido e fácil e parece garantido. O que poderia dar errado?

Guia completo sobre como usar o Instagram para sua empresa

Também existe uma série de serviços disponíveis que permitem a compra de seguidores por um preço até que razoável. Mas será que é pegadinha? Comprar seguidores no Instagram é legal e seguro para a sua empresa? O investimento vale a pena? Como ter certeza de que não estão enganando você? 

Neste post, esclarecemos essas e outras dúvidas comuns sobre a compra de seguidores no Instagram. Você ainda descobre como o processo de compra funciona e quais os prós e contras dessa estratégia.

Boa leitura!

Existe até a opção de segmentar seguidores por gênero e região. No entanto, não há garantia de que isso seja, de fato, realizado. A maioria dessas plataformas promete resultados incríveis em pouco tempo. E, claro, elas fazem questão de frisar que oferecem seguidores reais, exclusivos e de qualidade. Algumas até utilizam o termo “seguidores premium”. Mas será que isso realmente funciona?

Posso comprar seguidores no Instagram?

Sim, você pode comprar seguidores no Instagram. Como dissemos, existem programas que permitem a compra por diversos valores e planos. Muitos deles apresentam um período de testes, e é possível ganhar alguns seguidores já nesse momento de experimentação.

A princípio, a ideia parece funcionar, mas saiba que, na verdade, você está pagando somente por um número. Muitos desses seguidores são bots ou contas inativas, o que significa que eles nunca se envolverão com seus posts.

Uma pesquisa rápida no Google revelará que existem vários serviços de compra de seguidores. Por cerca de R$100, você consegue comprar 1.000 seguidores, por exemplo. Mas, como dissemos, a grande maioria deles não existe. Por isso, não é garantido que eles se envolvam com seus posts.

Além de comprar seguidores para o Instagram diretamente, você também pode pagar serviços para seguir estrategicamente outras contas com base nas preferências do seu perfil, como localização, uso de hashtags, tipo de conta e gênero. Em tese, as contas que tiverem a ver com o seu perfil seguirão você de volta.

Com essa opção, é mais provável que seus seguidores sejam pessoas reais, mas ainda será difícil vê-los interagir com sua marca. Outro ponto importante é que você não pode garantir que essas contas sigam você de volta. Assim, comprar seguidores no Instagram se torna um investimento arriscado. 

Isso, porque, em geral, as contas não vão seguir você de volta e, mesmo que o façam, não serão seguidores fiéis, ativos e de longo prazo.

Portanto, se a sua prioridade for simplesmente ter uma grande quantidade de seguidores, esses serviços, com certeza, vão ajudar, pois, quando o seu número de seguidores orgânicos cair, eles vão aumentar sua contagem quase automaticamente.

Mas é fundamental considerar os riscos dessa estratégia: essas contas, provavelmente, nunca vão curtir ou comentar em um post, e, se descobrirem que você tem tantos seguidores fake, a reputação de sua marca pode ser prejudicada.

Pense nisso desta maneira: você continuaria seguindo uma conta se descobrisse que a maioria dos seguidores era composta de contas inativas ou bots? Acho que não, né? Parece que a marca não consegue seguidores autênticos simplesmente publicando bom conteúdo.

Além disso, por ser baseada em uma mentira, ao adotar essa estratégia, você está enganando seu público e a si mesmo. Será que essa é a melhor maneira de construir sua reputação na internet? Saiba que os usuários percebem quando uma conta tem seguidores falsos. Isso pode afetar sua credibilidade, e é possível que as pessoas parem de seguir seu perfil.

Veja, abaixo, os motivos por que essa ideia deve ser esquecida de uma vez por todas.

Você está comprando seguidores falsos

Seguidores falsos são criados por dois motivos: são administrados por usuários cujo único objetivo é ser seguido de volta ou porque essas contas são patrocinadas por serviços de vendas de seguidores, como falamos acima. E, embora essas contas possam oferecer envolvimento desde cedo, elas acabam se tornando um problema para as métricas da sua conta. Falaremos sobre isso já, já.

É um envolvimento inicial que não se mantém

Seguidores comprados também não oferecem valor no longo prazo para o conteúdo do seu perfil. Essas contas podem até render visualizações, likes e comentários assim que passam a acompanhar sua página, mas a atenção que elas dão ao seu perfil não estará lá depois. Quando você começar a fazer relatórios sobre o desempenho do seu perfil, se dará conta disso.

E que utilidade têm 10.000 seguidores que não interagem? O envolvimento é muito importante para que o algoritmo do Instagram exiba os posts para os usuários. Sem likes e comentários, seus posts não aparecerão nos feeds de seu público, muito menos nas páginas de exploração da rede social.

Ainda, ter muitos seguidores poderia convencer os usuários a seguir você de forma orgânica, mas isso também não é garantido. As pessoas podem notar que suas publicações não têm muita interação e não seguir você. Se você tiver 10.000 seguidores, mas só quatro likes por post, será fácil perceber que tem alguma coisa errada.

Sem pessoas reais para interagir com seus conteúdos, eles ficarão escondidos e aparecerão apenas para um público que não é autêntico. Além disso, seus seguidores falsos não compartilharão seus posts em nenhum canal e não falarão sobre sua marca na vida real com amigos — porque, bem, eles não existem. Longe de nós querer ofender os bots.

Seguidores comprados podem distorcer métricas de desempenho

É quase impossível medir como seu público-alvo está se conectando com a sua marca se você comprar seguidores no Instagram. Afinal, os números não são reais. Como você vai medir posts que têm bom desempenho com seu público real se os bots e perfis inativos estão nessa conta?

Se você não tiver uma noção correta do desempenho de seus posts ou sobre o que seu público real pensa, nunca converterá seguidores em clientes reais. E não é esse o objetivo?

Sua conta pode ser penalizada

A compra de seguidores no Instagram infringe as Diretrizes da Comunidade e os Termos de Uso da rede social. Muitas pessoas esquecem da importância desses documentos. Em suma, como a empresa é contra qualquer prática de Spam, sua conta pode ser prejudicada ao adotar essa estratégia. Dentre as penalidades, existe o risco de o perfil ser banido, e você acabará perdendo todo o seu trabalho. 

Aqui, é importante ressaltar que, se você concordou com os Termos de Uso do Instagram, não há nada a ser feito nesses casos. Será que vale a pena colocar o seu trabalho em risco por tão pouco?

Além disso, saiba que o algoritmo do Instagram está programado para fazer uma varredura na rede social, excluindo perfis falsos sempre, bem como seus comentários e demais interações. Isso quer dizer que seus números podem até subir após a compra de seguidores, mas, em algum momento, eles cairão, e você perceberá que gastou dinheiro em vão. 

O engajamento é mais importante do que a quantidade de seguidores

Você já ouviu falar em métricas da vaidade? São números coletados e monitorados que não apresentam utilidade para tomadas de decisão. Por exemplo, você comemora quando um post seu recebe mais curtidas do que o esperado? É bacana ver que algum conteúdo chamou atenção dos usuários, mas o que você pode fazer de concreto com esse número?

A situação se repete com os seguidores. Embora seja ótimo ter muitos seguidores no Instagram, isso não significa que o seu negócio crescerá. Como falamos, esses números não valem de nada se não há engajamento por parte do público. É como se você estivesse falando com as paredes.

E se esse é o caso, a relevância dos seus conteúdos continuará baixa. Dessa maneira, será praticamente impossível alcançar outras pessoas, não é mesmo?

Como conseguir seguidores no Instagram de forma orgânica?

Agora que você já sabe que comprar seguidores no Instagram é uma estratégia arriscada e prejudicial para seu perfil, chegou o momento de falarmos sobre o que pode ser feito para ganhar uma audiência qualificada sem violar os Termos de Uso da empresa. Continue acompanhando!

Aposte na criação de conteúdo relevante

Para ganhar seguidores de forma orgânica, é fundamental produzir conteúdo relevante para o público-alvo. É possível fazer isso de maneira eficiente ao criar personas para o seu negócio. Dessa forma, você consegue compreender a fundo os hábitos de seu público e pode criar publicações de qualidade. Também personalize seu conteúdo: as figurinhas nos Stories dão um toque especial. Que tal criar algumas da sua marca? Isso dá um gás no seu branding.

Interaja com seus seguidores

É preciso que você mostre aos seus seguidores que seu perfil não está ativo só por meio de postagens. Interaja, responda a comentários, retribua curtidas, fale com eles por direct e aproveite o momento até para fazer perguntas. Quem sabe você não tem um insight bacana falando com seu público? Essa também é uma oportunidade legal para conhecer um pouco mais sobre ele.

Mostre que se importa e que sua empresa está disponível para atender seus seguidores com agilidade pelo Instagram. Não se esqueça de responder às críticas também, combinado?

Acompanhe a concorrência

É sempre bom ficar de olho nos seus concorrentes. Com o Klout, você pode checar o nível de influência deles no Instagram. Essa prática é boa não só para tornar suas estratégias cada vez mais competitivas, mas para ajudar você a buscar inspiração para novos conteúdos.

Há outras ferramentas que podem ser interessantes para isso, como Google Alerts, Moz e Buzzsumo. O Quintly também será fundamental para realização do benchmarking nas redes sociais. 

Utilize hashtags

As hashtags não podem ser ignoradas. Saiba que elas são muito mais úteis do que comprar seguidores no Instagram. 

Ainda que sejam, de fato, essenciais, isso não significa que você deva utilizar uma porção delas em suas postagens, viu? É sugerido a aplicação de quatro a cinco hashtags por publicação. Lembre-se de que elas precisam ter a ver com o seu negócio e os produtos e/ou serviços que você oferece.

Aqui estão algumas ferramentas para buscar hashtags de qualidade:

  • Top Hashtags;
  • Keyhole;
  • Tags for Likes.

Planeje-se

Para conquistar seguidores fiéis, é preciso se planejar bastante. Por isso, recomendamos que elabore um cronograma de postagens no Instagram. Essa é uma boa maneira de garantir a frequência das publicações. Falando nisso, embora a quantidade ideal de postagens seja diferente para cada tipo de negócio, a constância ainda é essencial para manter seus seguidores engajados, assim como entender o melhor horário para as postagens no Instagram.

Analise seus dados

Por fim, é preciso analisar as principais métricas do Instagram. Elas são acessíveis para perfis de contas comerciais e podem ser conferidas no Instagram Business. Essa análise é fundamental para gerenciar sua conta.

Veja as métricas mais importantes para acompanhar:

  • alcance;
  • interações;
  • impressões;
  • engajamento por post;
  • taxa de engajamento;
  • crescimento de seguidores;
  • visualizações;
  • cliques na URL.

Como você pôde conferir, comprar seguidores no Instagram não significa um crescimento real e de qualidade. No fim das contas, você terá apenas um número vazio. Além disso, como o algoritmo da rede social é muito ligado ao envolvimento, e não à quantidade de seguidores, a estratégia não é uma boa solução a longo prazo.

Assim, pegue o tempo, energia e dinheiro que alocaria para comprar seguidores no Instagram e se concentre em criar relações verdadeiras com um público real. Para tanto, utilize as dicas que listamos aqui. Se os seus conteúdos forem envolventes e autênticos, serão compartilhados por aí de maneira natural. Não é bem melhor dessa forma?

Quer continuar aprendendo sobre o assunto? Então, acesse nosso guia completo de marketing digital no Instagram agora mesmo! 

New call-to-action

Originalmente publicado 30/03/2022 06:45:00, atualizado Março 30 2022

Temas:

Marketing no Instagram