Como profissional de marketing, você já sabe que a maioria (se não todos) de seus potenciais clientes faz parte da enorme comunidade que é o Facebook. Assim, é essencial fortalecer a presença digital da sua marca. Isso passa, portanto, por um trabalho aprofundado em busca de estratégias que consigam gerar o maior impacto e engajamento dos seus produtos ou serviços.

Os dados do Facebook saltam aos olhos: disparada na frente, é a rede social preferida no Brasil, entre variadas idades, como você vai ver. Sem falar que, no âmbito mundial, 74% das pessoas com alta renda são usuárias da plataforma. Assim, entender quais exemplos de anúncios do Facebook que funcionam de verdade ajuda demais a sua estratégia.

Maximiza o valor do seu investimento em marketing no Facebook com nosso guia  gratuito

Afinal, não basta ter uma página na rede social, é preciso executar um planejamento voltado ao impacto da audiência. Como fazer isso? Começa com o maior conhecimento sobre exemplos de anúncios do Facebook, uma análise mais aprofundada e, em seguida, a avaliação do que pode ser aplicado ou não. Tudo isso considerando uma série de fatores para impactar o seu público-alvo.

Dessa forma, é fundamental entender mais sobre os pontos positivos e negativos de cada formato de anúncio do Facebook. Para ajudar você nessa tarefa, preparamos um artigo completo sobre o tema. A seguir, vamos detalhar tudo que é preciso para ter sucesso com as suas campanhas na rede social. Quer saber mais? Continue a leitura e tire todas as suas dúvidas!

Guía Grátis

Aprenda como alcançar e envolver seu público no Facebook

Conte-nos um pouco de ti para acessar o guia

Qual é o impacto do Facebook nos resultados da sua empresa?

Antes de tudo, é preciso compreender quais são os motivos para que a sua empresa não perca tempo e invista em anúncios no Facebook. São 2,3 bilhões de usuários, de acordo com números da própria empresa. Desse total, impressionantes 1,62 bilhões acessam as suas contas todos os dias. A partir dessas informações, como ignorar a importância da plataforma na sua estratégia?

Não importa se o seu público-alvo são alunos de faculdade ou CEOs, os mais variados tipos de audiência estão presentes na rede social. Trazendo os números ao Brasil, o Social Media Trends 2019 revelou que 96,2% dos brasileiros que utilizam a internet estão em alguma rede social. Logo, é impossível não pensar em um planejamento personalizado a fim de aumentar o engajamento nesse canal.

Pode ser durante os 75 minutos que, em média, os usuários ficam no Facebook que um novo cliente seja convertido, por exemplo. Para isso, é necessário entender outra situação: apenas publicar no Facebook não é o suficiente. Investir na plataforma e levar os leads ao seu site, portanto, só vai funcionar se for feito com inteligência e planejamento em cada detalhe — além de conhecimento sobre os melhores exemplos de anúncios do Facebook.

Qual é a melhor forma de explorar a audiência do Facebook?

Chegamos, então, ao momento de definir as melhores formas de impactar a sua audiência. Uma maneira de ser inteligente na rede social é a partir da criação de anúncios otimizados do Facebook direcionados ao público certo. São campanhas que podem ajudar a usar o orçamento disponível com mais sabedoria e, assim, conseguir um retorno positivo do investimento inicial.

Mas como seria realmente um anúncio otimizado para Facebook? Se estiver procurando alguns bons exemplos, você veio ao lugar certo. Afinal, são muitas etapas até chegar ao momento de criação dos seus anúncios dentro da rede social. Tudo começa com os quatro componentes de campanhas que não podem faltar em sua estratégia.

Em seguida, é importante entender mais sobre os dois formatos primordiais de campanhas no Facebook: os anúncios na coluna à direita e os anúncios no feed de notícias. Depois, é o momento de se debruçar nos 11 tipos diferentes de anúncios no Facebook e conhecer exemplos reais de cada um deles, junto a alguns insights para ajudar na escolha do melhor formato para a sua marca. Vamos começar?

4 componentes de anúncios bem-sucedidos no Facebook

1) Ele é visual

O conteúdo visual é tratado de forma mais favorável pelo algoritmo do Facebook. Essa opção é mais envolvente no feed de notícias em constante mudança e, assim, é mais provável que chame a atenção do seu potencial cliente. Vale lembrar que 90% das informações transmitidas ao cérebro são visuais. Logo, não importa que tipo de anúncio você crie, sua imagem precisa ser visualmente atraente e chamativa!

Dessa maneira, por mais que seu texto seja de excelente qualidade, as chances de atrair o usuário não são tão grandes. Como ele é impactado por anúncios ao longo do dia e nas mais diversas plataformas, você precisa se diferenciar. Por mais que os textos sejam fundamentais, a imagem é a primeira fonte de contato e deve ser analisada com cautela para a escolha mais adequada.

2) Ele é relevante.

A relevância é crucial ao sucesso quando usamos publicidade no Facebook. Lembre-se de que você está gastando recursos financeiros quando alguém visualiza ou clica em seu anúncio (dependendo das configurações usadas). Se estiver mostrando anúncios que não são relevantes ao seu público-alvo, você está perdendo tempo e dinheiro e não terá muito sucesso com nenhum tipo de publicidade.

O Facebook tem um recurso na sua plataforma de publicidade que classifica seus anúncios e fornece uma pontuação de relevância, similar ao Ad Rank, no Google Ads. Quanto mais relevantes a imagem, a cópia do anúncio e a página de destino forem para seu público, maior será a pontuação e mais favoravelmente o Facebook tratará seus anúncios.

3) Ele inclui uma proposição de valor

Uma proposição de valor informa ao leitor o motivo pelo qual ele deveria clicar em seu anúncio e saber mais sobre seu produto. Como seu produto ou serviço se diferencia dos outros? Por que ele deveria clicar no anúncio e ver seu website? A proposição de valor deve ter credibilidade. Em um cenário de ampla concorrência, a sua marca não pode ser apenas mais uma, concorda?

Dizer às pessoas que você tem os melhores sanduíches do mundo não fará com que elas visitem a página da sua empresa, mas oferecer 20% de desconto talvez funcione. Ou, talvez, ainda, adicionar uma prova social ajude. Algo como, "sanduíches amados por mais de 1 milhão de pessoas todos os anos, venha e experimente o seu hoje mesmo! Ganhe 20% de desconto em seu pedido com esse cupom".

4) Ele tem um call-to-action claro.

Um anúncio bonito e relevante é ótimo, mas sem um call to action (CTA), a pessoa que estiver lendo poderá não saber o que fazer em seguida. Portanto, adicione um CTA como "Compre agora e economize x%", ou "A oferta termina em breve" e acrescente um senso de urgência. O seu CTA deve incentivar as pessoas a clicarem em seu anúncio no exato minuto em que estiverem lendo.

Afinal, CTA é a indicação que o usuário precisa para tomar a decisão que você espera. Nesse caso, é importante realizar um teste A/B, por exemplo, para, assim, definir qual é a possibilidade mais adequada a converter mais. Lembre-se de que todos os detalhes importam ao aumentar as chances de conversão, como posicionamento e até as cores.

Quais são os dois formatos primordiais de anúncios no Facebook? (com exemplos)

O Facebook tem oferecido cada vez mais opções de publicidade ao longo dos anos. Cada um dos exemplos de anúncios do Facebook que vamos abordar podem se encaixar em uma de duas categorias: o anúncio de coluna à direita e o anúncio de feed de notícias.

A diferença principal aqui é a colocação do anúncio, além da quantidade de texto e tamanho da imagem que são permitidos. Quase todos os tipos de anúncios que tratamos podem ser usados em cada tipo de anúncio, por isso, vamos passar agora brevemente pelas diferenças dos dois formatos.

Formato 1 — o anúncio da coluna à direita

Esse tipo de anúncio é o mais tradicional no Facebook. Ele aparece no lado direito do feed de notícias do usuário da plataforma. Ele foi o primeiro tipo de publicidade nessa rede social e existe até hoje. Não à toa, ainda segue sendo bastante eficiente e pode ser muito útil em cativar a atenção de mais pessoas.

Embora os anúncios no feed de notícias tenham mais chances de obterem métricas maiores de envolvimento, devido aos seus recursos nativos de publicidade, os anúncios da coluna à direita não devem ser esquecidos. Encontramos frequentemente mais cliques e conversões menos caros ao usar esse recurso.

Para que um anúncio de coluna à direita seja bem-sucedido, ele precisa ser relevante, ter uma proposição de valor, um bom visual e um call to action atraente. Sem isso, ele vai ser visto apenas como mais uma campanha. É preciso entregar além disso. Vamos ver, então, um exemplo abaixo da Club W:

Formato 2 — o anúncio do feed de notícias

Um anúncio de feed de notícias aparece diretamente no feed do usuário e se parece mais com publicidade nativa. Em nossa experiência, esses anúncios têm uma taxa de envolvimento maior que os anúncios da coluna à direita, mas também podem ser mais caros. De acordo com o seu orçamento, portanto, você deve avaliar se o investimento é válido.

Eles também devem seguir as práticas recomendadas de publicações orgânicas do Facebook e ser envolventes e visuais. Essas recomendações são fundamentais para conseguir otimizar a sua campanha e garantir que mais usuários possam ser impactados pelo seu anúncio.

Um anúncio da Club W no feed de notícias teria essa aparência:

facebook wine ad

 Novamente, o que faz com que esse anúncio seja bom?

  • Ele é visual. A imagem é maior que no anúncio da coluna à direita, tornando-o mais atraente visualmente e chamativo que no exemplo anterior.
  • Ele é relevante. Assim como o anúncio da coluna à direita, esse anúncio é relevante para mim. (Nota: eu realmente comprei o vinho da Club W e gostei). 
  • Ele inclui uma proposição de valor atraente. Eles já pensaram por mim e recomendaram vinhos para a Páscoa. Embora não haja descontos nesse anúncio, eu ainda vejo valor em seu conteúdo. 
  • Ele tem um call-to-action claro. Eles me dizem para acessar seu blog e ler suas sugestões. Dessa maneira, sei exatamente o que fazer e o que esperar quando clicar.

Agora que tratamos dos dois formatos principais de anúncios, vamos examinar uma variedade maior de tipos de publicação que podem ser usados.

11 tipos de publicidade do Facebook e alguns dos melhores exemplos de anúncios no Facebook

1) O anúncio de vídeo do Facebook

O Facebook já disse que trataria anúncios de vídeo de forma mais favorável na linha do tempo — e isso tem acontecido mesmo, então, aproveite criando mais nesse formato!

Anúncios de vídeo são grandes no feed de notícias do usuário e oferecem conteúdo envolvente. O vídeo está se tornando cada vez mais popular entre marcas e usuários. De acordo com o Buffer, 50% das pessoas que visitam o Facebook diariamente assistem, pelo menos, a um vídeo por dia e o número de publicações de vídeo por marcas aumentou 3,6 vezes em apenas um ano. E tem mais: a cada ano, o consumo em vídeos mobile cresce 100%.

Precisa de alguma inspiração? Confira este exemplo abaixo, além da nossa explicação do por que os anúncios de vídeo são ótimos e como sua empresa pode criá-los de forma atraente.

facebook video ad rue la la

O que faz com que esse anúncio seja tão bom?

  • Ele é visual. Embora seja um vídeo, tem uma ideia geral do que o usuário vai assistir, graças à captura de tela com a qual começou.
  • Ele é relevante. Principalmente a quem deixa as compras de Natal para última hora. Segundo, eles destacam isso dizendo, "Você não é a única pessoa a sentir a pressão". Eles têm o poder de ler a mente, não é?
  • Ele inclui uma proposição de valor atraente. A empresa está mostrando muitas opções em seu site de presentes de fim de ano. A partir do vídeo, sabemos que essa é uma loja completa. Você pode conseguir tudo que precisa.
  • Ele tem um call to action claro. Ao chamar sua butique de "loja de último minuto para o fim de ano", a persona é incentivada a comprar agora.

Como você pode criar seu próprio anúncio de vídeo? Primeiro, compreenda as exigências de anúncios de vídeo do Facebook, incluindo tamanho e duração do vídeo. Sugerimos manter seu conteúdo o mais curto possível, mesmo que o Facebook permita atualizar um material muito maior. Crie um vídeo que exiba seu produto ou serviço e faça upload diretamente no gerenciador de anúncios do Facebook.

2) O anúncio de foto

Outro tipo de publicidade de rich media no Facebook é a publicação de uma imagem. Esse é um dos tipos mais populares de anúncio desde que o Facebook começou a favorecer o conteúdo visual. O tamanho ideal de anúncios de feed de notícias é 1200x628 pixels, caso contrário, sua imagem será cortada. Ajuste sua imagem dependendo das necessidades do público-alvo e aquilo que for mais atraente a ele.

Esse é um exemplo de anúncio de foto da NatureBox:

naturebox-1

Por que esse anúncio funciona?

  • Ele é visual. A imagem mostra exatamente o que você recebe e eles destacam também o CTA de "amostra grátis".
  • Ele é relevante. Todos gostam de petiscos! Honestamente, a pessoa que viu esse anúncio é fã de várias empresas de assinatura de estilo de vida, que é o caso da NatureBox. 
  • Ele inclui uma boa proposição de valor. Inclusive, esse anúncio é cheio de valor. Primeiro, a chamada de "avaliação grátis" é a primeira coisa que seus olhos veem ao olhar a imagem. Segundo, eles mencionam claramente os aspectos saudáveis das guloseimas em seu produto.
  • Ele tem um call to action claro. Eles estão pedindo para que você experimente a amostra grátis. Não poderia ser mais fácil saber seu próximo passo, concorda?

A Starbucks usou outra abordagem criando um anúncio com várias imagens dentro de uma foto publicada, incluindo a data e a hora do evento especial que estão organizando.

starbucks facebook ad

Por que esse anúncio é bom?

  • Ele é visual. Os elementos visuais são bem-feitos e aprimorados. Os tópicos são atraentes tanto aos viciados em cafeína quanto aos apaixonados pela Starbucks. O texto é curto e agradável e usa uma fonte divertida, com um fundo vermelho e contrastante, que facilita passar os olhos no texto.
  • Ele é relevante. Ainda mais para quem é fã tanto da Starbucks quanto de tomar café em geral.
  • Ele inclui uma proposição de valor atraente. Esse anúncio joga com o desejo humano natural de ser parte de algo grande (a maior data do Starbucks) e o medo de perder algo. Eles também começam a descrever alguns dos cafés e guloseimas que os participantes vão gostar, fazendo todos ficarem com água na boca.
  • Ele tem um call to action claro. Na imagem e na descrição, eles são diretos sobre onde e quando. Fácil de envolver.

As empresas podem usar a mesma tática durante todo o ano, jogando com um feriado nacional ou mesmo grande evento local.

3. A experiência instantânea

A interatividade também deve ser uma prioridade à sua empresa na hora de criar os anúncios para o Facebook. Apesar de mais complexa do que os outros formatos, a experiência instantânea é uma possibilidade muito útil a quem deseja se diferenciar dos seus concorrentes.

A partir da criação de um conteúdo, de fato, único e atrativo, esse formato é uma grande novidade. Veja o anúncio da Gatorade produzido para celebrar a atleta Serena Willians:

Por que esse tipo de anúncio funciona?

  • Ele é visual. Todo o conteúdo é pensado na experiência visual do usuário, que tem acesso ao material único e exclusivo. A partir de imagens em movimento, vídeos curtos e ilustrações, fica muito mais fácil chamar a atenção do seu público.
  • Ele é relevante. O material é exclusivo e voltado ao seu público-alvo, que vai ter acesso a uma forma diferente de saber mais sobre uma determinada história.
  • Ele inclui uma proposição de valor atraente. Saber sobre o histórico de um atleta não é uma tarefa tão difícil, mas a Gatorade consegue mostrar toda essa trajetória de uma forma diferente.
  • Ele tem um call to action claro. Apesar de não ser voltado exclusivamente para a venda, toda a experiência oferece CTAs a fim de que o usuário conheça mais sobre o produto.

4. As apresentações multimídia

Também pensando em otimizar a experiência do usuário, as apresentações multimídia são mais um exemplo de anúncios do Facebook que podem ser utilizados. Ao apostar em recursos como som, textos e muita movimentação, a sua campanha se torna mais atrativa ao usuário.

De forma simples, é possível criar uma solução que seja otimizada e consiga converter mais. Neste exemplo de anúncio do Facebook, os slides chamam a atenção e acabam trazendo informações valiosas.

Por que o modelo pode ser útil?

  • Ele é visual. Apostando muito em imagens e vídeos, as apresentações multimídia são visuais, o que pode chamar bastante a atenção dos usuários.
  • Ele é relevante. Quando bem executado, os textos podem ser utilizados para criar conteúdos mais impactantes à sua audiência, prendendo a atenção em um conteúdo imersivo.
  • Ele inclui uma proposição de valor atraente. Em vez de mostrar os seus produtos de forma tradicional, por exemplo, a apresentação multimídia acaba criando um novo componente para o seu anúncio, permitindo a oferta de maior valor.
  • Ele tem um call to action claro. Para tornar a sua comunicação ainda mais precisa, você pode adicionar um CTA bem posicionado em qualquer uma das suas imagens. Assim, fica muito mais fácil conseguir uma conversão.

5. A coleção

Um dos exemplos de anúncios do Facebook mais eficientes para realizar vendas é a coleção. A partir desse formato, é possível criar uma sensação próxima de uma visita a uma loja física, por exemplo. Pensado especialmente para os usuários de dispositivos móveis, é uma forma de apresentar os seus produtos e, ao mesmo tempo, direcioná-los às suas páginas.

Confira o que a Hering fez com a estratégia das camisetas brancas:

facebook anuncion

Por que o modelo pode ser útil?

  • Ele é visual. Esse formato possibilita a utilização de fotos e vídeos dos seus produtos de modo a aumentar o interesse da sua audiência. O mais legal desse exemplo é que vemos imagens de mulheres usando a peça com um texto rápido de explicação dos modelos na própria foto.
  • Ele é relevante. No caso do anúncio da Hering, o conteúdo é extremamente relevante à sua audiência, mostrando mulheres empoderadas usando uma camiseta branca básica.
  • Ele inclui uma proposição de valor atraente. Os produtos não são apresentados de qualquer maneira ao seu público, mas, sim, com um formato atraente e com explicação sobre os modelos. Logo, fica simples conseguir os olhares da audiência e, consequentemente, o clique.
  • Ele tem um call to action claro. O caminho que a Hering quer que o usuário siga é bastante claro: gerar expectativa para a novidade lançada no dia seguinte à publicação do anúncio.

6. O anúncio de vários produtos

Anúncios de vários produtos permitem que os anunciantes demonstrem diversos itens com um anúncio único. As pessoas podem rolar por meio das imagens e clicar em links individuais de cada produto.

Com esse recurso, você pode promover várias coisas — não só produtos —, como diferentes publicações de blog, e-books ou webinars. Esses anúncios são criados no Facebook Power Editor.

Este é um exemplo de anúncio de vários produtos da Shutterfly, junto de imagens adicionais que são usadas no anúncio. Cada imagem tem uma oferta diferente para ter apelo a vários segmentos demográficos em um anúncio.

shutterfly

Por que esse anúncio funciona?

  • Ele é visual. Eles fotografam os itens com criatividade, assim, as imagens são visualmente atraentes (ter um gatinho fofo não prejudica em nada também).
  • Ele é relevante. A pessoa que viu isso adora tirar fotos e criar presentes sentimentais.
  • Ele inclui uma proposição de valor atraente. Há um valor muito claro ao usuário, nos 40% de desconto em cada produto anunciado. O código e a data de término da venda também estão claros na descrição do anúncio. Ele ainda tem um nível de valor agregado, porque está mostrando as várias maneiras que as pessoas podem usar o Shutterfly, indo além do básico.
  • Ele tem um call to action claro. Sabemos que é preciso aproveitar a oferta antes de 17/2, quando ela termina, portanto, somos incentivados a agir imediatamente.

7. O anúncio local

Anúncios locais no Facebook funcionam apenas se sua empresa tem um endereço físico, para o qual você está tentando enviar tráfego real. Se você se encaixar nessa categoria, anúncios localmente direcionados do Facebook podem ser excelentes, pois poderão hiperdirecionar o Facebook às suas vizinhanças.

Se sua empresa tem uma oferta ou evento em andamento em sua loja, configure alguns exemplos de anúncios do Facebook de modo a aparecer apenas às pessoas que estão próximas de sua loja.

Faça com que esses anúncios sejam exibidos alguns dias antes do evento e em dispositivos móveis enquanto ele estiver acontecendo. Você pode querer entrar em contato com algumas pessoas no dia do evento, que possam estar nas proximidades, verificando suas contas do Facebook em seus smartphones.

Veja este exemplo de anúncio da Mizzou Campus Dining:

ScreenShot2015-03-29at2.12.59PM

Por que esse anúncio é bom?

  • Ele é visual. Essa imagem tem um apelo estudantil, uma variedade de delícias salgadas e doces e um logotipo famoso para atrair estudantes universitários famintos.
  • Ele é relevante. Esse anúncio, provavelmente, é exibido apenas aos alunos do campus em que está seu público-alvo. Ele menciona também os jogos que estão em andamento e mexe com as necessidades atuais dos estudantes: lanches e sanduíches do Subway.
  • Ele inclui uma proposição de valor atraente. O mercado Mizzou está dizendo a estudantes universitários famintos (e preguiçosos) que ele têm tudo que eles precisam para o grande jogo.
  • Ele tem um call to action claro. Esse anúncio tem a opção de mostrar direções, facilitando muito ao estudante universitário seguir as instruções para chegar ao mercado.

8. O anúncio de oferta

Um anúncio de oferta é uma nova forma de publicidade no Facebook, no qual uma empresa pode promover um desconto em um produto ou serviço, que pode ser resgatado no Facebook. O benefício disso? Ele elimina uma etapa na jornada do consumidor, que termina por aumentar as vendas.

O Facebook permite criar esses tipos de anúncios no Ads Manager ou Power Editor. Você pode escolher exibir esses anúncios no feed de notícias de seu público, em colunas à direita ou em seus aplicativos móveis.

O anúncio da oferta tem muitos benefícios. Primeiro, ele conduz o usuário diretamente à oferta. O usuário a resgata diretamente no Facebook, removendo qualquer atrito adicional da necessidade de ir ao seu website para obter a oferta.

Você também pode atingir qualquer tipo de público que quiser, pois todas as opções de direcionamento no Facebook são possíveis. Finalmente, é possível incluir todas as informações necessárias ao usuário em decidir se ele quer isso ou não, incluindo o período de tempo que elas são utilizáveis, o número de pessoas que já resgataram as informações e o valor exato da oferta. Isso eliminará cliques não qualificados, que custam dinheiro.

Este é um exemplo de uma oferta da Jasper's Market:

ScreenShot2015-03-29at12.36.32PM

Nesse exemplo, sabemos exatamente quanto vale a oferta, quando ela expira e como obtê-la. E por que é um dos melhores exemplos de anúncio do Facebook?

  • Ele é visual. A imagem é bastante colorida e bem organizada.
  • Ele é relevante. Esse anúncio é oportuno, pois a oferta expira no mês seguinte.
  • Ele inclui uma proposição de valor atraente. Você ganha $10 de desconto em seu primeiro pedido, uma proposição de valor que é mencionada não uma, mas duas vezes. Além disso, há prova social — mais de 5 mil pessoas resgataram essa oferta e você não pode ficar de fora.
  • Ele tem um call to action claro. O CTA "obtenha a oferta" é direto e chamativo.

9. O anúncio de evento

Os anúncios de evento promovem (sim, você adivinhou!) um evento específico. O CTA nesses anúncios, no geral, envia os usuários diretamente à página de compra de ingressos, independentemente de onde esteja hospedada. Usar esse tipo de anúncio ajudará a conduzir um grupo-alvo de pessoas a participar do seu evento. Ele será exibido no feed de notícias do público específico escolhido.

Eventos são parte importante da rotina da maioria das empresas, mas fazer com que as pessoas participem mesmo de um evento pequeno pode ser complicado. Promover seu evento a um público-alvo específico no Facebook, contudo, pode ajudar a impulsionar o tipo certo de participantes.

Um bom anúncio nesse formato mostrará claramente os benefícios da participação no evento: o preço, as datas e um CTA direto para comprar um ingresso. Os anúncios de eventos abaixo do Tortuga Music Festival exibem a data e hora em que as bandas tocarão:

 

event facebook ad

Por que esse anúncio é bom?

  • Ele é visual. A imagem por si só vale mais que mil palavras sobre o quanto esse concerto será divertido. Ele não só acontece na praia, como também em um dia lindo e o palco parece incrível. Além disso, ele representa claramente o que esperar do evento e chama a atenção de uma pessoa que está passando pelo feed de notícias.
  • Ele é relevante. A pessoa que viu esse anúncio é fã de Kenny Chesney e já foi em outros shows antes. Ela também é originalmente da Flórida, onde esse evento acontece.
  • Ele fornece uma proposição de valor atraente. Como a imagem é de um dia lindo, parece ser um lugar ideal de se estar, especialmente a pessoas que veem o anúncio em suas mesas de trabalho. O anúncio diz também claramente o preço do ingresso, para que você saiba antes de clicar. Isso permite que os usuários saibam antecipadamente se podem arcar com o ingresso ou não. Se não puderem, eles não clicarão, economizando dinheiro do anunciante em cliques não qualificados.
  • Ele tem um call to action claro. O CTA é simples: "compre". Os anunciantes também acrescentam um texto urgente com o título "O tempo está se esgotando!", incentivando a comprar o ingresso antes que seja tarde demais.

10. O anúncio de redirecionamento

Esse exemplo promove um anúncio a uma lista específica de pessoas previamente identificadas. Já viu aqueles anúncios que seguem você pela internet, após visitar determinado website? Então, você viu um anúncio de redirecionamento.

O Facebook tem o mesmo recurso. Um anunciante pode anunciar a uma lista de leads ou clientes fazendo upload de uma lista de endereços de e-mail que eles já têm no Power Editor para criar um público personalizado.

Essa tática tem sido muito bem-sucedida à HubSpot para obter reconversões do nosso banco de dados existente em avaliações gratuitas e nosso CRM. Um bom anúncio de redirecionamento reconhece que a marca sabe que você já está interessado em seu produto. Até porque, encaremos os fatos, o redirecionamento pode ser um pouco assustador às vezes!

Vamos supor que você está planejando uma viagem à Grécia quando tudo voltar ao normal depois da pandemia da Covid-19. Após pesquisar em vários sites, você experimentou a Jetsetter para ver se poderia encontrar uma oferta de hotel. Alguns dias mais tarde, entrou no Facebook e viu o anúncio abaixo.

facebook ad retargeting example

Eles acertaram em cheio. Por quê?

  • Ele é visual. A imagem não é muito confusa e dá uma boa ideia do que esperar ao reservar.
  • Ele é relevante. Novamente, eles destacam que você já estava planejando as férias e mostram um anúncio de um hotel que eu você havia visto. Eles acertam em cheio na relevância, não é?
  • Ele inclui uma proposição de valor atraente. Hotéis de luxo com 40% de desconto nos fazem dar uma segunda olhada com bastante atenção.
  • Ele tem um call to action claro. O texto na parte inferior da publicação é: "Ofertas exclusivas começam hoje!" Isso nos incita a conferir no mesmo dia.

11. A publicação impulsionada

Uma publicação impulsionada é uma publicação orgânica do Facebook. Ela estava, a princípio, na página inicial da rede social de uma empresa e, mais tarde, foi impulsionada com dinheiro de publicidade.

A diferença em relação aos exemplos de anúncios do Facebook acima é que ela não é criada no gerenciador de anúncios. Você pode incluir mais texto na descrição, pois não há limite de contagem de palavras em publicações impulsionadas como nos anúncios. Você também pode ter um link na cópia.

Os contras? Publicações impulsionadas deixam menos opções de negociação, direcionamento e preço. Você também não pode executar nenhum tipo de teste A/B, pois está promovendo uma publicação que já foi criada — e não uma que foi pensada do zero.

Este é um exemplo de publicação impulsionada da Fabletics:

ScreenShot2015-03-25at9.00.27PM

O que faz com que esse anúncio seja bem-sucedido?

  • Ele é visual. A imagem de Kate Hudson, feliz e plena, funciona muito bem para vender roupas de ginástica. As cores e a luz combinam com o texto alternativo e as tonalidades de fundo da caixa de texto também.
  • Ele é relevante. Pensando nas mulheres que gostam de malhar, podemos dizer que a imagem é relevante a esse grupo.
  • Ele inclui uma proposição de valor atraente. Uma roupa de ginástica por $25, mais frete grátis, é um ótimo negócio, por isso, eles destacam o desconto duas vezes, e não apenas uma.
  • Ele tem um call to action claro. O anúncio pede para responder um teste se quiser ganhar a roupa de $25 e fornece um link que direciona o usuário ao teste.

Um bônus adicional? A prova social na parte superior informa que três amigos já curtiram a página da Fabletics. Isso é um incentivo também a curti-la, o que pode ser feito sem sair do anúncio, clicando no botão "curtir" na parte superior.

Se você chegou até aqui, passou por toda a lista de diferentes exemplos de anúncios do Facebook. A plataforma de gerenciamento de anúncios da rede social em questão ensinará como configurá-los e segmentá-los a partir de instruções simples e um passo a passo, por isso, você não vai se perder no processo.

Para ter sucesso em um mercado tão disputado é fundamental ter uma estratégia alinhada em várias redes sociais. Portanto, além dos exemplos de anúncios do Facebook, pode ser importante realizar ações que sejam complementares em outras plataformas. Assim, você fortalece a sua presença digital de forma mais abrangente.

Quer ver como o HubSpot usa o Facebook? Curta nossa página do Facebook aqui.

Facebook Marketing

Originalmente publicado 08/01/2016 07:07:42, atualizado Dezembro 08 2020

Temas:

Facebook Marketing